Repórter da CNN é assaltada durante transmissão ao vivo

O homem, que estava com um faca, levou dois celulares

Da Redação Publicado sábado 27 junho, 2020

O homem, que estava com um faca, levou dois celulares
Bruna Macedo foi abordada durante jornal ao vivo da CNN Brasil - CNN Brasil

A repórter da CNN Brasil, Bruna Macedo, foi assaltada durante uma transmissão ao vivo, na manhã deste sábado (27). 

Enquanto participava ao vivo de um dos noticiários da emissora para falar sobre as chuvas na cidade de São Paulo (SP), Bruna foi abordada por um homem. Em seguida, a transmissão foi interrompida e voltou para o estúdio. 

O âncora do jornal, Rafael Colombo, informou que a repórter foi roubada e o assaltante em questão portava uma faca. Ele levou dois celulares da jornalista. 

"Faz mais ou menos 20 minutos que aconteceu, a Bruna Macedo estava entrando no ar, num quadro dividido. Na imagem do meio, a Bruna é vista sendo abordada por um rapaz. Não deu para entender na hora o que estava acontecendo, se era um morador de rua passando. Mas depois do que aconteceu, cortamos a imagem e ela explicou que foi roubada", relatou o apresentador.

"Esse indivíduo a abordou com uma faca e levou os dois celulares dela embora. Ele fez ameaças e ela entregou um celular. Mas ele sabia que ela tinha dois celulares, porque ela tem um particular e um corporativo", explicou ele.

De acordo com a emissora, a repórter foi liberada do trabalho e voltou para casa para se recuperar do incidente.  

Último acesso: 05 Jul 2020 - 04:21:01 (1114915).