AnaMaria

Rodrigo Bocardi se pronuncia após acusações de racismo no 'Bom Dia SP'

Rodrigo Bocardi se defende após internautas o acusarem de racismo

Da Redação Publicado em 07/02/2020, às 12h16 - Atualizado às 12h19

Rodrigo Bocardi é apresentador do 'Bom Dia São Paulo' - Instagram
Rodrigo Bocardi é apresentador do 'Bom Dia São Paulo' - Instagram

Internautas acusaram Rodrigo Bocardi de racismo, nesta sexta-feira (7), após o jornalista confundir um atleta do polo aquático com um dos profissionais que pegam bolinhas nas quadras de tênis. Depois das acusações, o âncora usou as redes sociais para se defender. 

"Muito triste a acusação de preconceito. Eu pratico tênis no Clube Pinheiros. Os jogadores de tênis não usam uniformes, mas os pegadores/rebatedores, sim: uma camiseta igual a do Leonel, com quem tive o prazer de conversar hoje. Ao vê-lo com a camiseta que vejo sempre, todos os dias, pegadores/rebatedores de todas as cores de pele, pensei que fosse um deles”, iniciou. 

Para completar, disse que não frequenta outras áreas do clube e não sabia que a camiseta era parecida. “Se soubesse, teria perguntado em qual área ou esporte trabalhava ou treinava. Nunca escondi minha origem humilde”, continuou. 

“Comecei a vida como garoto pobre, contínuo, andando mais de duas horas de ônibus todos os dias para ir e voltar do trabalho e escola. Alguém como eu não pode ter preconceito", finalizou. 

ENTENDA
Na ocasião, o repórter Tiago Scheuer entrevistou um rapaz negro no metrô que estava a caminho de um clube de classe alta na cidade, e Bocardi mandou perguntar se o garoto era gandula. Ele respondeu que era atleta.

Imediatamente, nas redes sociais, uma série de usuários afirmaram que o jornalista havia sido racista.

"Gente do céu. O Rodrigo Bocardi foi muito racista agora, achando que o menino, por ser negro, era gandula ao invés de ser atleta", disse um deles.

"Parabéns, Bocardi. Você é a imagem e semelhança do preconceito nesse país. Quer dizer que porque é negro e vem da zona leste  não tem capacidade de ser alguém? O rapaz ficou visivelmente desconfortável", escreveu outra.