AnaMaria

‘Sai de Baixo - O Filme’ estreia quase duas décadas após fim do seriado

A produção reúne grande parte do elenco original

Da Redação Publicado em 21/02/2019, às 14h52 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h46

Elenco original, com atualizações: além de Marisa Orth, Miguel Falabella, Aracy Balabanian e Tom Cavalcanti, o filme conta com Cacau Protásio e Katiuscia Canoro. - TV Globo/ Divulgação
Elenco original, com atualizações: além de Marisa Orth, Miguel Falabella, Aracy Balabanian e Tom Cavalcanti, o filme conta com Cacau Protásio e Katiuscia Canoro. - TV Globo/ Divulgação

Acabou a espera! O filme de uma das sitcoms mais queridas da TV aberta chega nesta quinta-feira (21), aos cinemas. O ‘Sai de Baixo - O Filme’, traz de volta os icônicos Caco (Miguel Falabella), Magda (Marisa Orth), Ribamar (Tom Cavalcante) e Cassandra (Aracy Balabanian). 

Despejados do apartamento, eles estão morando de favor com o porteiro Ribamar. Quando Caco sai da prisão, ele acaba tramando mais um golpe que envolve a família inteira para ganhar muito dinheiro.

Além do elenco original, as atrizes Cacau Protásio, Tatá Werneck e Ingrid Guimarães também fizeram participações especiais na produção dirigida por Cris D’amato.

ARACY BALABANIAN COMENTA

Em entrevista exclusiva para o site de AnaMaria, Aracy Balabanian contou que retomar um personagem tão importante na carreira foi algo especial. “A Cassandra envelheceu (risos). Como o filme tem uma linguagem diferente do que fazíamos, confesso que a idade bateu para mim, pois se passou muito tempo. Mas apenas deixei rolar”, disse.

A atriz também falou dos desafios de interpretar Cassandra. “Eu tinha dificuldades de fazer no começo do seriado, pois o elenco era muito engraçado”, explicou ela. “Chegou um momento em que eu disse 'olha, eu quero sair, não me acho engraçada, não sei fazer esse tipo de humor'”.

O então diretor da atração, Daniel Filho, foi quem a acalmou, ressaltando que isso não tinha importância, e que ela deveria apenas rir e se divertir. “Essa liberdade acabou me deixando mais à vontade, e acabamos nos tornando uma grande família”, lembrou.

Leia a matéria completa aqui.