ultimas-noticias   / Alimentação

Sammy Lee revela que está tratando compulsão alimentar: ''Comia até passar mal''

Influenciadora explicou que estava descontando sua ansiedade na comida

Da Redação Publicado terça 15 setembro, 2020

Influenciadora explicou que estava descontando sua ansiedade na comida
Sammy Lee revela que está tratando sua compulsão alimentar - Reprodução/Instagram

Sammy Lee decidiu usar as redes sociais para fazer um desabafo a respeito de sua ansiedade e compulsão alimentar.

A esposa do mágico Pyong Lee surgiu nos Stories do Instagram, na tarde desta terça-feira (15), e abriu o coração sobre como tem sido lidar com a alimentação recentemente.

A loira começou explicando que a quarentena e os hormônios da gravidez fizeram com que ela acabasse descontando na comida todas as suas ansiedades. 

"Tenho enfrentando ansiedade e compulsão alimentar. Estou tratando isso, fazendo terapia com uma psicóloga. Chegou ao ponto de eu chorar comendo, falando que não queria mais. Comia até passar mal, não conseguia parar. Descontava toda a frustração de estar de quarentena, essa angústia, essa ansiedade que eu não sei de onde vem. Isso é muito do mal, e é horrível sentir isso. Descontava tudo na comida, de uma forma que eu não conseguia controlar. Estava me fazendo muito mal", disse ela. 

A influenciadora afirmou que buscou ajuda e está tentando equilibrar a situação com uma dieta especial. 

"Agora estou fazendo uma dieta um tanto quanto rigorosa, mas não é para perder peso, é só para controlar. Estou fazendo também hipnoterapia, mas para tratar também umas coisas muito mais profundas que aconteceram comigo quando eu era criança, do meu passado. Estou nesse processo de reconstrução. Cheguei ao ponto de falar 'não dá mais para ficar do jeito que estou. Estou muito mal'", declarou. 

A famosa acabou se emocionando ao relembrar que os primeiros sinais da ansiedade surgiram depois do parto do seu primogênito, Jake. 

"Depois do parto, senti que não estava mais me amando. E olha que sempre gostei muito de me cuidar, fazer as coisas para mim. Eu me esqueci. Muitas vezes, é tanta perturbação que a gente não consegue ver as coisas boas. Eu tinha ficado assim. Virei uma pessoa ranzinza, que reclama de tudo, todos, e que nada está bom", prosseguiu. 

Por fim, ela garantiu que nunca agiu dessa forma antes. "Nunca fui assim, mas eu virei uma pessoa chata. Ficar com rancor das pessoas é um veneno que a gente bebe esperando que faça mal para o outro. Estou aprendendo a ter mais paciência. Porém, de uns tempos pra cá, me incomodava muito mais e, em vez de me expressar, guardava para mim, e acabava me corroendo", finalizou.

Último acesso: 21 Oct 2020 - 00:37:24 (1124116).