AnaMaria
Últimas Notícias / Imunização

São Paulo exigirá passaporte de vacinação para entrada em estabelecimentos comerciais

Ricardo Nunes anunciou que nova regra entrará em vigor nas próximas semanas

Da Redação Publicado em 23/08/2021, às 10h32 - Atualizado às 10h33

Ricardo Nunes em coletiva de imprensa - Reprodrução/CNN
Ricardo Nunes em coletiva de imprensa - Reprodrução/CNN

O prefeito Ricardo Nunes (MDB), anunciou, nesta segunda-feira (23), uma nova regra que entrará em vigor na cidade de São Paulo a partir das próximas semanas. Agora, será obrigatório tomar as duas doses da vacina contra a covid-19 para frequentar estabelecimentos comerciais, serviços e eventos. Isso porque um tipo de passaporte será exigido na entrada dos locais.

Segundo Nunes, a apresentação do documento poderá ser feita através do aplicativo e-SaudeSP, da prefeitura, ou com o próprio comprovante físico em mãos. A plataforma digital conterá todos os dados de vacinação do cidadão, com base informações do Ministério da Saúde: "A pessoa baixa o aplicativo da e lá terá um QR Code com todas as informações: primeira dose, segunda dose, quando ela vai tomar ou deveria ter tomado".

"Se identificarmos que o estabelecimento não está exigindo ou que há pessoas no local que não se vacinaram, aplicaremos uma multa [no empreendimento]", informou o prefeito durante uma coletiva de imprensa.

A mudança servirá como uma forma de incentivo para que os paulistanos se imunizem completamente, além de buscar conter a disseminação do vírus em toda capital paulista. Assim, o passaporte funcionará da seguinte forma: caso a pessoa tenha tomado apenas uma dose porque ainda não chegou a data de sua segunda imunização, ela poderá entrar no local. Caso contrário, ou seja, se a segunda dose estiver atrasada, ela será proibida.

"O objetivo é que seja obrigatória a vacinação para frequentar qualquer estabelecimento em São Paulo", disse Edson Aparecido, secretário municipal de Saúde.

Ainda não se sabe quando a exigência entrará em vigor, isso porque a os últimos testes com o dispositivo ainda estão sendo realizados, mas a previsão é que tudo fique pronto até semana que vem.