AnaMaria

Tiago Leifert diz que revelou câncer da filha em momento difícil: "O tumor tinha reagido"

Leifert anunciou a condição de Lua em meados de janeiro e falou sobre recidiva do câncer

Da redação Publicado em 15/05/2022, às 09h00

Tiago Leifert e Daiana Garbin revelaram a condição da filha no início do ano - Reprodução/TV Globo
Tiago Leifert e Daiana Garbin revelaram a condição da filha no início do ano - Reprodução/TV Globo

Para os que não se lembram, em meados de janeiro, o apresentador Tiago Leifert veio a público para revelar que sua filha, Lua, está com um câncer raro nos olhos. No entanto, o que o público não sabia é que na época, ele e sua esposa, Daiana Garbin, tinham acabado de receber uma notícia difícil referente ao estado de saúde da garotinha.

Durante um bate papo no podcast "Fala, Brasólho", no último sábado (15), o jornalista afirmou que o fato de estar revoltado com a doença foi a mola propulsora para que ele decidisse falar sobre a questão.

"Para mim, era o fim do mundo aquela situação que a gente estava vivendo em janeiro. Ela foi diagnosticada em outubro e em janeiro a gente teve uma notícia de que não gostou. Houve uma recidiva. O tumor reagiu em janeiro", relembrou.

Tiago afirmou ainda que, para os especialistas, a piora não foi tão considerável quanto a outros casos, mas ainda assim a família ficou preocupada. Ele ressaltou que foi por conta do ressurgimento da doença que tomou a decisão de falar sobre o assunto.

"Estou p*** com essa p****. Eu tenho raiva. Minha filha está doente. Então, vou dificultar a vida dessa doença. Não quero que ninguém, nem a pessoa mais filha da p*ta do mundo, passe pelo que a gente passou hoje, que chegue lá e receba uma notícia ruim no meio do tratamento. Porque derruba. Vamos declarar guerra à essa m****", afirmou.

O apresentador disse que o principal objetivo com o vídeo era fazer com que crianças acometidas pelo retinoblastoma, tipo de câncer em questão, fossem diagnosticadas precocemente. Apesar da situação difícil, ele ressaltou que faz de tudo para estar ao lado da filha.

"Essa é a missão para ter a minha filha comigo? Vambora. Eu aguento tudo. Não troco uma sessão dela de quimioterapia por nada. Sei que é ruim, claro que a gente não queria estar lá, mas eu amo aquele momento de estar com ela", concluiu.