AnaMaria
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaSpotify AnaMaria

Uber libera pagamento de corridas por Pix

Atualização está disponível em todo o Brasil; dinheiro cairá diretamente para a plataforma

Da redação Publicado em 25/05/2022, às 09h34

Procedimento é realizado antes da corrida ser aceita por um colaborador da plataforma - Unsplash
Procedimento é realizado antes da corrida ser aceita por um colaborador da plataforma - Unsplash

A Uber liberou uma nova atualização para os passageiros em todo o território nacional: o pagamento por Pix. No novo método, o usuário faz a transação diretamente para plataforma e não para o motorista, de forma que assegura os dados de ambas as partes.

Antes, a Uber aceitava Pix apenas para inclusão de créditos no Uber Cash. A alternativa tornava o pagamento de transferência instantânea compatível com o serviço. No entanto, a etapa extra tornava pouco prático para uso no dia a dia.

Agora, na nova atualização, o pagamento é feito diretamente pela corrida. Ou seja, ao solicitar uma viagem, o usuário deve escolher a opção de pagamento Pix. No momento do pagamento, o aplicativo automaticamente levará para uma página onde um código Pix será gerado. Então, o passageiro precisará apenas copiar e colar o código na área Pix do aplicativo do banco que utiliza.

Vale ressaltar que o procedimento é realizado antes da corrida ser aceita por um colaborador da plataforma. Isto é, apenas depois do pagamento ser confirmado é que o pedido da viagem é designado para um motorista.

O Pix foi criado em 2020 pelo Banco Central. O método permite que valores sejam transferidos instantaneamente entre contas de forma prática e rápida.

SELFIE

Além disso, a Uber anunciou que irá solicitar a selfie de alguns passageiros que escolham pagar a corrida em dinheiro. A medida é apenas um piloto do aplicativo, isto é, um teste.

A foto deverá ser feita antes mesmo que o usuário consiga solicitar o carro, não será compartilhada com os motoristas e não passará por verificação. A ideia é registrar a imagem da pessoa que fez a solicitação e armazená-la nos servidores da Uber, para consulta posterior das autoridades em caso de necessidade.

{# Taboola Newsroom #}