AnaMaria
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaSpotify AnaMaria
Notícias / Últimas / Varíola dos macacos

Matheus Pires, de ‘No Limite’, é internado com varíola dos macacos

Por causa do diagnóstico, Matheus Pires não participará da final do programa

Da Redação Publicado em 07/07/2022, às 16h02

Matheus Pires está internado, mas seu quadro é estável - Reprodução/Instagram
Matheus Pires está internado, mas seu quadro é estável - Reprodução/Instagram

O participante do ‘No Limite’, Matheus Pires, foi diagnosticado com varíola dos macacos na última quarta-feira (6), e não poderá participar da final do programa.

A equipe dele publicou um comunicado em suas redes sociais, nesta quinta-feira (7), confirmando o diagnóstico e informando seu quadro de saúde.

“No início da semana, Matheus começou apresentar alguns sintomas de 'monkeypox' (varíola dos macacos) e prontamente fez o exame. Ontem (06/07) foi confirmado a infecção pela varíola”, começou dizendo o comunicado no Instagram do diretor pedagógico.

“Com isso ele precisou ser internado e não vai comparecer à final do programa ‘No Limite’, da TV Globo, nessa quinta-feira (07/07), no Rio de Janeiro”, explicou a equipe.

“Pedimos a todos que mandem energias positivas para que ele se recupere o quanto antes e logo possa estar de volta. Por enquanto, ele se encontra estável e assim que puder, vem aqui explicar tudo para vocês”, finalizou.

NÚMERO DE CASOS

O Brasil tem 106 casos confirmados de varíola dos macacos (Monkeypox), segundo levantamento do Ministério da Saúde. A maioria (75) foi registrada em São Paulo. Em seguida, está o Rio de Janeiro, com 20 casos.

Em Minas Gerais, foram três casos da doença. No Ceará, no Paraná e no Rio de Grande do Sul foram dois registros em cada estado. Há também confirmação de infecção pelo vírus no Distrito Federal e no Rio Grande do Norte, com um caso cada.

O órgão destacou que segue em articulação direta com os estados para monitoramento dos casos e rastreamento dos contatos dos pacientes. Isso é feito por meio da Sala de Situação e Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS Nacional).