AnaMaria
Busca
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaYoutube AnaMariaTiktok AnaMariaSpotify AnaMaria
Bem-estar e Saúde / MATERNIDADE

Evelyn Regly fala sobre sua diástase no abdômen e reflete sobre autoestima pós-gravidez

Evelyn Regly compartilhou reflexões sobre maternidade por meio das redes sociais

Da Redação Publicado em 19/09/2023, às 15h00

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Evelyn Regly deu à luz uma menina há quatro meses - Foto: Patricia Fiori/Divulgação
Evelyn Regly deu à luz uma menina há quatro meses - Foto: Patricia Fiori/Divulgação

A gestação é um período de mudanças. A transformação física antes, durante e depois do parto no corpo das mulheres é enorme. A influenciadora digital Evelyn Regly resolveu fazer uma reflexão sobre autoestima pós-gravidez e falou sobre a sua diástase no abdômen.

Diástase para quem não sabe, "é quando os músculos retos abdominais, que ficam localizados na região central do abdômen, se afastam, deixando um espaço enfraquecido entre eles", explica Marcelo Sampaio, especialista em cirurgia geral e plástica pelo Hospital das Clínicas (USP). 

“Geralmente, isso acontece depois da gravidez e provoca uma saliência do abdômen. É possível percebê-lo mesmo em pessoas magras, provocando uma grande insatisfação estética. A deformidade não melhora com atividade física nem com o emagrecimento, pois trata-se de uma alteração anatômica”, completa o especialista.

“O crescimento uterino faz com que os músculos se abram. No primeiro filho quase sempre o músculo volta para sua posição anatômica, no entanto, as gravidezes subsequentes costumam acentuar a deformidade, fazendo com que o músculo laceie. Também pode aparecer por conta da obesidade e de várias cirurgias na região”, esclarece.

A mãe do Lucas, de quatro anos de idade, e da Alana de apenas quatro meses, respondeu uma seguidora por meio das redes sociais que a questionou como ela conseguiu recuperar a autoestima depois da gravidez.

“A diástase está aqui, estou acima do meu peso, a barriga tá aqui. O que posso falar para vocês em relação à autoestima é que é uma fase. A vida é feita de fases e a gente tem que viver os processos. Vou falar para você que eu estou todo dia feliz assim? Não. Na véspera do aniversário do Lucas, eu coloquei umas roupas que não couberam e eu fiquei muito pau da vida, chorei, mas depois passou”, afirma.

“Hoje eu tô aqui me achando linda e maravilhosa com essa make que eu fiz. A gente é muito mais que um corpo, tão mais que um padrão de beleza. Quando eu paro e olho para mim, para essa barriguinha aqui, eu falo: barriguinha abençoada que não podia ter bebezinho, depois de três perdas, conseguiu ter dois bebezinhos. Eu sou muito grata a Deus”, completa.

COMO TRATAR A DIÁSTASE?

A recomendação dos exercícios físicos para fechar o abdômen com diástase é muito individual, pois depende do grau e do tipo de diástase. Portanto, é necessária a criação de um plano de atividades específicas para cada pessoa. 

“Quando leve, o tratamento consiste na realização de exercícios físicos que fortaleçam a parede abdominal. Quando severa, o tratamento é eminentemente cirúrgico e consiste na amarração dos músculos retos abdominais (onde estão fracos), realizada normalmente durante o procedimento de abdominoplastia”, detalha a cirurgiã plástica estética Raíssa Quaiatti Antonelli.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!