Bem-estar e Saúde ESPECIALISTA EXPLICA

Miguel Falabella foi internado com celulite infecciosa; pele avermelhada indica problema

Especialista explica como identificar e tratar a celulite infecciosa, que afetou Miguel Falabella

sexta 11 outubro, 2019
Miguel Falabella está internado devido a infecção e compartilhou um clique
Miguel Falabella está internado devido a infecção e compartilhou um clique "comemorando" o seu aniversário Foto: instagram/falabella_cl

Justo no dia de seu aniversário, quinta-feira (10), Miguel Falabella compartilhou um clique em suas redes sociais avisando que estava internado. De acordo com a colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo, o motivo foi uma celulite infecciosa. 

Em cartaz em São Paulo (SP) com a peça "A mentira", o ator precisou se ausentar dos palcos e deverá voltar ao trabalho na próxima semana.

Para entender melhor sobre esta infecção e as complicações, AnaMaria Digital conversou com o dermatologista Caio Lamunier, do Hospital das Clínicas de São Paulo (HC-FMUSP), que explicou que a infecção, desconhecida por muitos,é uma inflamação das células de gordura e pode acontecer em qualquer parte do corpo. "É mais comum que ocorra nos membros inferiores. Nas pernas, o inchaço favorece a penetração das bactérias, que causa a celulite", explica. 

SINTOMAS
É necessário ficar atento! Caso você note que a sua pele está avermelhada, inchada, dolorida e quente, é possível que esteja com uma infecção e que pode ser a celulite. Para desvendar, é necessário ir ao médico o mais rápido possível. Na maioria das vezes, apenas uma avaliação clínica já desvenda a causa. 

"Ela pode causar sinais de gravidade. Se não for tratada de maneira correta e eficaz, pode cair na circulação sanguínea e, então, se torna extremamente grave e traz diversas complicações". 

Entre os problemas, pode acontecer septicemia (infecção generalizada do sangue), o que costuma levar o paciente a morte quando não tratado a tempo.

É NECESSÁRIO FICAR INTERNADO?
O tratamento é feito com antibiótico e pode ser tanto oral, quanto na veia -vai depender do grau de gravidade e necessidade. 

No caso do artista, o especialista acredita que a internação foi necessária para uma resposta mais rápida do tratamento, pois tomar a medicação na veia torna a resposta do organismo mais ágil.

Além disso, se o paciente for sedentário e tiver um histórico de doenças, é melhor que ele fique internado para ter um maior cuidado e acompanhamento da equipe médica.

É CONTAGIOSO?
Não! Lamunier explica que dificilmente uma pessoa com celulite infecciosa vai transmitir para uma outra pessoa. Para que isso ocorra, o receptor precisa ter algum problema na pele, como uma ferida, por exemplo.

COMO SE PREVENIR
Para evitar a celulite infecciosa, é preciso manter a pele sempre saudável. "Se você tem uma pele inchada, trate-a com remédios ou com compressões. Se tem ferida, mesma coisa. Assim, você evita o risco de infecção. Caso não tenha nada, a hidratação é uma ótima alternativa". 

Por mais que a palavra "celulite" seja comum aos nossos ouvidos, o dermatologista garante que elas não são a mesma coisa, já que a que aparece na região do bumbum não possui gravidade além da aparência estética. Já a celulite infecciosa é uma doença de pele grave, que precisa ser tratada de maneira correta para evitar as complicações. 

Naty Falla
Leia Mais:

ANAMARIA RECEITAS

  1. 1 Musse de milho-verde; veja o passo a passo desta receita Musse de milho-verde; confira esta receita irresistível
  2. 2 Bife ao forno; prepare esta receita deliciosa
  3. 3 Torta rápida de salame; aprenda a preparar essa receita
  4. 4 Torta prática de arroz; experimente essa delícia
  5. 5 Quindim de mandioca; uma receita deliciosa