AnaMaria

Ela emagrece e faz um bem...

Guaraná é muito mais do que refrigerante! Essa fruta pequenina de origem amazônica possui vantagens únicas: ajuda a perder peso, dá mais energia, reduz o colesterol e até alivia cólica e enxaqueca

Júlia Arbex Publicado em 17/01/2017, às 16h00 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h45

Ela emagrece e faz um bem... - Shutterstock
Ela emagrece e faz um bem... - Shutterstock
Quando se fala em guaraná, logo pensamos numa latinha de refrigerante, né? Pois saiba que apesar de a bebida ser feita com o fruto amazônico de mesmo nome, de saudável ela não tem nada. Aliás, é cheia de açúcar e um dos piores alimentos pra saúde, já que colabora para a obesidade, diabetes, hipertensão... Por outro lado, a fruta in natura que é pequenina e avermelhada, é um energético natural, além de termogênica, que acelera o metabolismo. “Como não é fácil encontrá-la, indico comprar pó de guaraná. Ele aumenta a queima de gordura corporal”, diz Alyne Santim, nutricionista da Clínica Liliane Oppermann (SP). No entanto, Flavia Salvitti, coordenadora do serviço de nutrição do Hospital San Paolo (SP), lembra que o pó sozinho não faz milagres. Então, pra entrar em forma, devemos combiná-lo com uma dieta equilibrada. Veja, na página 19, uma receita de suco que vai mudar a sua silhueta!


9 benefícios espetaculares

1 Emagrece: o pó de guaraná é termogênico, o que acelera o metabolismo. “Isso significa que, se consumido na quantidade adequada,
as gordurinhas extras são mandadas embora mais depressa do que o normal”, explica Alyne. Além disso, de acordo com Flavia, ele favorece o processo de lipólise, reação corporal que ajuda na manutenção do peso e até na redução de gordura.


2 Dá energia: por conta da alta concentração de cafeína, ele estimula o sistema nervoso central, combatendo o cansaço físico e
mental. Você ganha mais energia e fica muito mais disposta!


3 Melhora a concentração e o raciocínio: o guaraná tem algumas substâncias, como a teobromina, que agem em determinadas áreas do cérebro. Isso nos ajuda a ficar mais atentas!


4 Controla o colesterol: o pó tem flavonoides, responsáveis por baixar os níveis do colesterol ruim no sangue. Ao mesmo tempo,
ele eleva o colesterol bom. 


5 Regula o intestino: a fruta ajuda a desintoxicar. Ela faz uma verdadeira faxina no organismo! Por isso, é tão indicada para o tratamento de problemas intestinais como prisão de ventre, gases e até diarreia. 


6 Rejuvenesce: “É um ótimo antioxidante, assim combate os radicais livres e elimina as toxinas do corpo, evitando o envelhecimento precoce”, esclarece a nutricionista. Além disso, fortalece nosso sistema imunológico. 


7 Alivia dores: a fruta possui propriedades analgésicas e, por isso, se tomado em doses corretas, o pó ajuda a aliviar cólica, dores de cabeça e até mesmo as crises de enxaqueca.


8 É afrodisíaco: ele aumenta a libido de homens e mulheres.


9 Dá mais ânimo: o guaraná libera hormônios como adrenalina e dopamina, dando uma sensação de bem-estar e felicidade. É energia e bom humor para todos!


Como consumir
Pode ser ingerido diariamente, mas na quantidade máxima de duas colheres (chá). No entanto, para as especialistas, é possível
sentir seus efeitos consumindo apenas uma colher por dia e, de preferência, logo pela manhã ou antes de fazer atividade física. Tem
dúvidas de como utilizar o pó? Use-o no preparo de sucos, vitaminas, sopas... Fica ótimo também no iogurte e na salada de frutas!


Este suco queima as gordurinhas

Ingredientes
200 ml de água de coco
1 colher (chá) de pó de guaraná
1 fruta de sua preferência (maçã, pera, morango, melão...)
5 folhas de hortelã

Modo de preparo
Bata tudo no liquidificador. Tome sem adoçar. Se preferir, ponha adoçante ou mel. Tome geladinho.


Há contraindicações
Embora o pó de guaraná tenha inúmeros benefícios, não é todo mundo que pode tomar. Você deve evitá-lo se:

É sensível à cafeína.
Tem problemas cardíacos ou respiratórios.
Sofre com problemas gástricos.
É hipertensa.
É gestante.
Está amamentando


É importante ressaltar também que, quando ingerido em excesso, ele pode causar:

Enjoo
Taquicardia
Nervosismo
Insônia
Agitação
Ansiedade
Hiperatividade
Irritabilidade