AnaMaria
Famosos / Luxo

André Gonçalves participa de festa luxuosa em hotel que tem diárias de até R$ 11 mil

Ator esteve acompanhado da esposa Danielle Winits e de um dos enteados

Da redação Publicado em 03/01/2022, às 14h40

André Gonçalves teve prisão decretada por não pagar pensão às filhas - Fábio Rocha/TV Globo
André Gonçalves teve prisão decretada por não pagar pensão às filhas - Fábio Rocha/TV Globo

André Gonçalves esteve em uma festa para lá de luxuosa no Hotel Fasano Angra dos Reis, litoral do Rio de Janeiro, no último domingo (2). O ator estava acompanhado da esposa Danielle Winits e de um dos enteados para celebrar o aniversário de 50 anos da atriz Rita Guedes.

De acordo com o UOL, as diárias do hotel chegam a R$ 11 mil, tendo vista pro mar na Praia do Frade, além de contar com spa. No perfil do Instagram de Winits, o casal apareceu se divertindo na piscina privativa do local. 

Vale lembrar que André teve prisão domiciliar decretada por não pagar pensão alimentícia para a filha Valentina Benini, fruto do antigo casamento com a jornalista Cynthia Benini, desde 2007. O valor chega a R$ 350 mil. 

Recentemente, a filha mais velha do ator, Manuela Seibllitz, também acusou o pai de não pagar pensão. O valor acumulado seria de R$ 109 mil. A jovem de 23 anos teria recusado um acordo em que André lhe pagaria o valor de R$ 20 mil. Com isso, ele teve a prisão solicitada pelo não pagamento da dívida. O processo tramita na 4ª Vara de Família do Rio de Janeiro e aguarda a decisão do juiz.

FIM DE CARREIRA?

Ao jornal O Globo, André revelou que foi bloqueado pelas filhas nas redes sociais e lamentou não ter mais um bom relacionamento com elas. "Elas viraram as costas para mim por dinheiro, não quero dizer nenhum nome ruim dos meus filhos, mas eu acho que é inominável a situação que eu estou passando sem precisar passar. A saída não é a prisão. Eu sei o pai que eu sou, que eu quero ser. Não sou bandido. Não há nada que me desabone na esfera federal, estadual ou municipal", disse.

Além disso, com a situação, ele afirmou que pretende encerrar a carreira. "Decidi parar (...) Eu não sei o que vai acontecer, sabe? Eu não vou suportar ser preso. Encerrando eu dou um novo passo na minha vida. Eu posso construir uma nova história. Não aguento mais tanta pressão por dinheiro."

DEFESA

O advogado do ator, Sylvio Guerra, justificou o motivo dele ainda não ter cumprido com o pagamento das pensões às filhas. "Ele está desempregado desde 2016 quando foi demitido da Rede Globo após mais de 20 aos de trabalho. Ele tem duas filhas e um filho e as pensões eram descontadas na folha de pagamento do salário dele. Daí, em 2016, quando foi demitido, ele não conseguiu mais honrar as pensões combinadas através de acordos feitos muitos anos lá atrás", disse ao jornal O Dia. 

A defesa de André afirmou ainda que ele nunca deixou de colaborar na criação dos filhos e sempre pagou uma parte da pensão quando trabalhou em alguma peça teatral ou até mesmo quando participou da Dança dos Famosos. "Ele pagava, não era o valor total da pensão, mas jamais deixou de mensalmente contribuir com algum valor", argumentou.