AnaMaria
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaSpotify AnaMaria

BBB 22: Ex-BBB Pocah volta atrás e revela torcida para Linn da Quebrada: “Seria histórico”

Pocah deixa rancor de lado e volta a torcer pela vitória da artista Linn da Quebrada

Da Redação Publicado em 16/03/2022, às 15h30

Ex-BBB Pocah volta atrás e revela torcida para Linn da Quebrada - Reprodução/Youtube
Ex-BBB Pocah volta atrás e revela torcida para Linn da Quebrada - Reprodução/Youtube

A ex-BBB Pocah participou do podcast “Bulldog Show”, que foi publicado nesta terça-feira (15). A cantora falou da sua trajetória de vida e, é claro, o assunto BBB não ficou de fora. Nada rancorosa, a artista disse que voltou atrás e declarou sua torcida para Linn da Quebrada.

O comentário foi feito devido ao episódio em que Pocah resolveu retirar sua torcida para Lina depois que se deparou com comentários feitos pela artista enquanto a funkeira estava confinada no BBB 21, em que fica claro que Linn da Quebrada não torcia por ela.

No podcast, no entanto, a cantora afirmou que deixou os ressentimentos de lado e voltou a torcer pela vitória de Lina no BBB 22.

"Não sou uma pessoa rancorosa, mas por um momento eu vou sentir uma dor, alguma coisa vai me machucar. Mas eu perdoo, sou trouxa. Na hora em que eu li as coisas, eu fiquei muito chateada, muito triste e aí no calor do momento eu falei que não iria torcer por alguém que não torcia por mim", relatou Pocah.

Em seguida, a funkeira afirmou que seria histórico ver uma travesti vencer o Big Brother Brasil.

“Eu acho, sim, que se a Lina ganhasse esse programa, ia ser histórico. Muita gente ali vai fazer muita grana aqui fora com publicidade, tem carreira com música e como influenciador, mas se a Lina ganhasse seria um babado, um tapão na cara da sociedade, eu ia amar", disse ela.

ÚNICA LGBT

Linn da Quebrada entrou para a história como a segunda participante transexual do Big Brother Brasil. Entretanto, essa não é a única bandeira que a sister do BBB 22 carrega: após a saída de Vyni, Lina passou a ser a única participante LGBTQIA + restante na edição.

O assunto veio à tona, na madrugada desta quarta-feira (16), pouco após a eliminação. Em conversa no Quarto Lollipop, a cantora também relembrou que é a única mulher que sobrou do grupo Camarote.

“Eu sou a última do Vale LGBT e sou a última Camarote feminina, mulher”, destacou Lina. Ao que Laís respondeu: "É verdade. O Vyni vivia falando sobre isso, que só tinham vocês dois".

A alegria de Linn da Quebrada durou pouco. Isso porque, momentos depois, os membros do Quarto Lollipop destacaram que ela está deitada na “cama amaldiçoada” do cômodo - onde já dormiram Bárbara HeckBruna Gonçalves e Jade Picon antes de serem eliminadas.

A cantora brincou: "Gente, será mesmo? Então tô fudid*. Vou [embora] junto com vocês", em menção às eliminações semanais do Quarto Lollipop.

Vale destacar que, em 22 edições do BBB, Linn e Ariadna Arantes foram as duas únicas participantes transexuais. Confinada há 60 dias, a atual sister já quebrou o recorde da ex-BBB 11 - que foi eliminada na primeira semana do reality show.