Quem sofre de asma e a prática de exercícios

É inegável que o esporte promove qualidade de vida e bem-estar físico e mental, mas isso pode não ser uma realidade para alguns asmáticos

Publicado segunda 16 janeiro, 2017

É inegável que o esporte promove qualidade de vida e bem-estar físico e mental, mas isso pode não ser uma realidade para alguns asmáticos
Quem sofre de asma e a prática de exercícios - Shutterstock
"Posso praticar exercícios físicos mesmo sofrendo com asma?”


É inegável que o esporte promove qualidade de vida e bem-estar físico e mental, mas isso pode não ser uma realidade para alguns asmáticos. Existe uma doença alérgica chamada asma induzida por exercício (AIE), que causa tosse, chiado no peito e falta de ar depois que a pessoa faz atividade física. Felizmente, não são todos os esportes que propiciam o surgimento deste tipo de incômodo. Na realidade, a AIE está associada a atividades mais intensas como futebol, ciclismo e atletismo, e seus sintomas geralmente aparecem de cinco a dez minutos após o término do esforço. Para fazer exercícios de forma segura, basta evitar atividades aeróbicas
em ambientes poluídos e não praticar exercícios muito exaustivos, como corrida ou futebol. Natação em piscinas aquecidas e de água salgada também não é legal.


Fonte: Marcello Bossois, médico alergista e coordenador técnico do Brasil Sem Alergia


Envie suas perguntas aos nossos especialistas pelo e-mail anamaria@maisleitor.com.br

Último acesso: 11 May 2021 - 01:53:35 (1021929).