AnaMaria

Emagreça com açafrão

O tempero, além de deixar as receitas mais bonitas, ajuda você a secar até 4 kg em um mês

Ana Bardella Publicado em 25/04/2017, às 14h00 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h45

Emagreça com açafrão - Shutterstock
Emagreça com açafrão - Shutterstock
Quando o assunto é diminuir os números da balança, toda ajuda é bem-vinda. E, na maioria das vezes, as soluções estão bem ali na sua cozinha: basta fazer as escolhas certas para começar a notar os resultados. Desta vez, para acelerar a queima de gordura, vá ao armário e encontre o açafrão entre os temperos. “Ele é um potente anti-inflamatório que auxilia no emagrecimento”, explica
Natália Colombo, nutricionista da marca de alimentos Naiak.


Como assim anti-inflamatório?
A inflamação é uma reação natural do organismo para se defender de possíveis infecções. No entanto, quando ingerimos alimentos
pouco saudáveis, como açúcar, gordura ou versões industrializadas, essa reação pode ser desencadeada sem que haja necessidade, de fato, de o corpo “se preparar para enfrentar um combate”. O resultado de uma dieta pobre implica em sintomas como falta de energia e inchaço, além de agravar alguns tipos de doenças, como a depressão e o diabetes. Para não cair nesse quadro, diminua o consumo dessas comidas e invista em outras com o efeito semelhante ao do açafrão, como o alho, o gengibre, a pimenta, a cebola e o repolho.


Mais benefícios do açafrão

Antioxidante: é capaz de prevenir o envelhecimento precoce e combater radicais livres (as tais substâncias que causam danos às células).

Aliado contra o câncer: ajuda a precaver a formação de tumores. Principalmente aqueles localizados no cólon, no fígado e no ovário.

Amigo do cérebro: reduz o risco de Alzheimer, Parkinson e ainda protege o sistema nervoso central.

Bom para o coração: ajuda na diminuição do considerado colesterol ruim.



Dieta para desinflamar
Com o cardápio da nutricionista, é possível perder até 4 kg em um mês! Para se livrar dos alimentos inflamatórios, evite os processados, como refrigerantes, embutidos, biscoitos e até pães, pois levam conservantes que nem sempre fazem bem à saúde. Diminua também o consumo de carne vermelha e invista nos grãos, leguminosas e verduras!


Opção 1

■ Café da manhã
2 ovos mexidos no azeite com sal e pimenta-caiena em pó + suco verde (2 folhas de couve + 1 maçã + suco de ½ limão + 1 colher (café) de açafrão + 1 copo de água de coco. Bata no liquidificador)

■ Lanche
1 colher (sopa) de semente de abóbora (sem sal) + 1 copo de chá-verde

■ Almoço
1 prato (sobremesa) de salada de alface e agrião com 4 rodelas de pepino e 1 colher (sopa) de cenoura ralada com azeite, vinagre de maçã e sal + 2 colheres (sopa) de arroz integral com açafrão + 2 colheres (sopa) de feijão + espinafre refogado com azeite e alho + 1 filé de peixe grelhado (marinado com suco de laranja, sal e vinagre de maçã)

■ Lanche
½ abacate com raspinhas de limão e gengibre

■ Jantar
1 prato (sobremesa) de salada de folhas verde-escuras (agrião, rúcula e chicória) e rabanete ralado com azeite, vinagre de maçã e sal + abobrinha grelhada com sal, orégano e alecrim + 1 filé de peito de frango desfiado com açafrão, pimenta, sal e molho de tomate

■ Ceia
1 xícara (chá) de chá de camomila e canela em pó


Opção 2

■ Café da manhã
1 xícara (chá) de chá de hibisco + 1 panqueca de aveia (1 ovo + 2 colheres (sopa) de farinha de aveia + 1 colher (sopa) de água
+ 1 pitada de sal) recheada com 1 colher (sopa) de queijo cottage ou ricota polvilhada com açafrão e orégano + ½ mamão papaia polvilhado com farinha de chia ou linhaça

■ Lanche
2 castanhas-do-pará + batido com as sementes, 1 pedacinho de gengibre e 1 colher (café) de açafrão em pó + 1 colher (sopa) de semente de abóbora

■ Jantar
1 prato (sobremesa) de mix de folhas e pepino temperado com azeite e vinagre de maçã + ½ berinjela recheada com carne moída temperada com molho de tomate, pimenta-caiena e sal + 3 colheres (sopa) de purê de couve-flor e açafrão em pó

■ Ceia
1 xícara (chá) de chá de erva-doce com cravo em pó 1 copo de água de coco

■ Almoço
1 prato (sobremesa) de salada de alface-americana e espinafre com tomate, 2 buquês de brócolis e 2 colheres (sopa) de ervilha
com azeite, vinagre de maçã e sal + 2 colheres (sopa) de purê de batata-doce com gergelim e açafrão + 1 filé de frango com 1 colher (chá) de vinho branco, raspas de limão e 1 pitada de curry

■ Lanche
1 copo de suco de melancia


O CARDÁPIO ACIMA É APENAS UMA SUGESTÃO. O PLANO ALIMENTAR DEVE SER INDIVIDUALIZADO E É ESSENCIAL CONSULTAR UM PROFISSIONAL. VALE LEMBRAR AINDA QUE A PERDA DE PESO VARIA DE ACORDO COM O ORGANISMO DE CADA UM. ALÉM DISSO, PESSOAS COM DIABETES, PRESSÃO ALTA E PROBLEMAS NO CORAÇÃO DEVEM CONSULTAR UM MÉDICO ANTES DE COMEÇAR QUALQUER DIETA.