AnaMaria
Famosos / SE ARREPENDEU?

Bruna Marquezine se pronuncia sobre críticas à fantasia de enfermeira: ‘‘Oportunidade de aprendizado’’

Atriz foi repudiada sob acusações de desvalorizar e sexualizar a profissão

Da Redação Publicado em 04/11/2021, às 12h12 - Atualizado às 12h13

Sexualização e desvalorização foram alguns dos tópicos abordados - Instagram/@brunamarquezine
Sexualização e desvalorização foram alguns dos tópicos abordados - Instagram/@brunamarquezine

Bruna Marquezine utilizou o Twitter, na última quarta-feira (3), para comentar sobre a polêmica envolvendo sua fantasia de Halloween. Isso porque a atriz foi repudiada pelo Conselho Regional de Enfermagem de São Paulo (Coren-SP) ao escolher um look de ‘enfermeira-sexy’ para comemorar a data. Segundo o órgão, a fantasia contribuiu para a desvalorização e sexualização da profissão. 

Foi então que Marquezine assumiu o erro, porém propôs um debate mais aprofundado sobre a problemática. “A todas as profissionais de enfermagem, friso aqui meu total respeito à categoria. Eu as vejo como heroínas. Jamais seria minha intenção causar qualquer desvalorização à classe na escolha de uma fantasia de Halloween", começou. 

Em seguida, acrescentou: “Essa luta também é legítima e eu pessoalmente batalho para que mulheres tenham liberdade e respeito em todos os ambientes e em todas suas escolhas profissionais e pessoais. Lamento não ter tido o conhecimento desse tema antes, mas que essa discussão sirva verdadeiramente como oportunidade de aprendizado e transformação". 

Como já havia sido pontuado pelo Coren-SP, Bruna Marquezine reforçou que reconhece o poder de influência que exerce devido à sua fama e alcance. Por outro lado, defendeu que a discussão sobre a sexualização das profissionais deve ir além de sua fantasia no Halloween. 

“Convido os órgãos competentes a uma reflexão profunda, e não pessoal, sobre como a indústria pornográfica, o machismo estrutural e a cultura do estupro são o verdadeiro cerne da sexualização e erotização das mulheres em qualquer uma das profissões”, concluiu.

Vale mencionar que, antes de compartilhar seu posicionamento, a atriz questionou as declarações do órgão nas redes sociais. Ela quis saber se estava sendo ameaçada após o Coren-SP afirmar que esperava uma retratação para "evitar uma ação judicial".