AnaMaria
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaSpotify AnaMaria

Gracyanne Barbosa e Belo recebem ordem de despejo da casa onde moram no RJ

A situação fez com que Gracyanne Barbosa e Belo ficassem desesperados

Da Redação Publicado em 29/07/2022, às 11h50

Gracyanne Barbosa e Belo são despejados de imóvel no RJ - Instagram/@belo
Gracyanne Barbosa e Belo são despejados de imóvel no RJ - Instagram/@belo

Gracyanne Barbosa e Belo passaram por uma situação constrangedora recentemente. Isso porque os dois receberam uma ordem de despejo e ficaram tensos com a situação, que os pegou de surpresa. Segundo informações da colunista Fabia Oliveira, as dívidas acumuladas do casal (aluguéis, IPTUs e contas) estavam em torno de R$ 220 mil.

No entanto, a notificação judicial foi enviada para o endereço errado — onde Gracyanne e Belo residem atualmente —, o que deixou a musa fitness indignada. Segundo ela, houve falha de comunicação, afinal, o imóvel com dívidas fica em São Paulo, e eles foram notificados na casa onde moram no Rio de Janeiro. Tal confusão fez com que a família dos dois ficasse preocupada.

“Saem escrevendo sem pensar que existe a mãe dele, a minha mãe, os filhos, a neta. Minha sogra me ligou chorando e perguntando: ‘Para onde vocês vão?’. Sendo que o processo é de São Paulo, de um imóvel que nem moramos, de uma empresa que nem no nome do Belo está. Falta empatia no ser humano”, contou Gracyane Barbosa, em entrevista ao colunista Lucas Pasin, do Splash UOL.

Decepcionada com a situação, a esposa do cantor deixou claro que houve uma repercussão toda só por conta de quem eles são. “Usam o nome do Belo porque vende. Vende pro bem e para o mal. Infelizmente, o Belo não fala, prefere sofrer quieto, mas eu não guardo, tudo tem limite”, finalizou.

DÍVIDA DO HOSPITAL

Ao que tudo indica, Belo e Gracyanne Barbosa foram sentenciados a pagar uma dívida de R$ 2.959,22 com o Hospital São Camilo Ipiranga. As informações são do colunista Lucas Pasin, do UOL. A decisão, assinada pelo juiz Álvaro Luiz Valery Mirra, pode ser recorrida pelo casal.

Além de julgar a dívida com a instituição, Álvaro também condenou que Belo e Gracyanne paguem pelas despesas e honorários advocatícios, determinado em 10% sobre o valor da condenação. Procurada pela publicação, Gracyanne afirmou que o valor já havia sido pago no ano de 2020, e que chegou a encaminhar os comprovantes ao Tribunal de Justiça.

O hospital, por sua vez, disse que tentou receber o valor amigavelmente diversas vezes, mas precisou acionar a justiçapara conseguir resolver a questão.