AnaMaria
Famosos / Linda!

Viviane Araújo revela que engravidou com ovodoação: “Extraordinário”

Viviane Araújo contou que recebeu ajuda da ciência para se tornar mamãe

Da Redação Publicado em 08/05/2022, às 09h39

Viviane Araújo contou que recebeu ajuda da ciência para se tornar mamãe - Instagram/@araujovivianne
Viviane Araújo contou que recebeu ajuda da ciência para se tornar mamãe - Instagram/@araujovivianne

Comemorando seu primeiro Dia das Mães, Viviane Araújoabriu o jogo em como engravidou de Joaquim, seu primeiro filho, que será fruto do relacionamento da musa com Guilherme Militão.

Em um evento realizado por uma rede de decoração para bebês, Viviane relatou a experiência, muito emocionada. “Pra mim, tudo é novidade. Eu estou muito emocionada mesmo! Tudo é maravilhoso, eu estou vivendo realmente o melhor momento da minha vida”, começou.

Em seguida, a morena revelou que ser mãe era seu sonho: “Eu só tenho a agradecer! Agradecer a Deus por esse momento, minha família, meu marido, meus amigos… e eu espero assim que, tudo que falam do que é ser mãe, que eu sinta e viva de verdade isso. É o meu desejo, é o meu sonho!”.

Viviane revelou que por ter muita vontade em ser mamãe, aos 47 anos, ela engravidou por meio de uma fertilização in vitro. “Desde nova, eu queria ter filhos, uma família.. Só que na minha vida, o trabalho chegou primeiro e esse desejo foi ficando guardadinho”, contou.

“Antes de oficializarmos nossa união, a gente já pensava em ter nosso filho. Só que, eu estava entrando num período de pré-menopausa, já não menstruava mais e ovulava mais. Então, a gente foi em busca de um tratamento de como poderia realizar esse nosso sonho”, explicou, se referindo ao seu relacionamento com Militão.

A atriz disse que foram dois anos neste processo e recorreu para a doação de óvulos, uma vez que foi informada que os seus próprios poderiam não funcionar. “Foi algo extraordinário pra mim e, de imediato, eu falei que não havia problemas. Se for esse o caminho pra eu ser mãe, vamos fazer e foi isso”, declarou ela.

“Em novembro fizemos uma primeira tentativa, não deu certo, mas nunca pensamos em desistir e só pensamos em adiar um pouco mais. E, um mês depois, em dezembro, a enfermeira da clínica achou uma outra doadora pra mim”, relembrou emocionada. “Fizemos a fertilização no dia 16 de dezembro e já no dia 24 de dezembro, constatei que estava grávida e foi a melhor e maior alegria da minha vida”, concluiu.