AnaMaria
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaSpotify AnaMaria

‘Além da Ilusão’: Joaquim perde oportunidade de matar o rival Davi

Joaquim não consegue cometer o crime em ‘Além da Ilusão’

Da Redação Publicado em 02/08/2022, às 18h54

Joaquim e Davi são rivais em 'Além da Ilusão' - Reprodução/TV Globo
Joaquim e Davi são rivais em 'Além da Ilusão' - Reprodução/TV Globo

Joaquim (Danilo Mesquita) terá a oportunidade perfeita de matar o seu rival, Joaquim (Rafael Vitti), nos últimos capítulos de ‘Além da Ilusão’. No entanto, o jovem não conseguirá cometer o crime.

Ele e o mágico trocarão socos, e Davi cairá no chão apagado. Então, o vilão pegará uma pedra para lançar no amado de Isadora (Larissa Manoela). “Fim de jogo. Não vai ser feliz com a Dorinha. Aliás, não vai ser feliz com ninguém”, declarará o almofadinha.

Prestes a atirar o objeto contra o inimigo, o crápula lembrará de Úrsula (Bárbara Paz) atirando em Abel (Adriano Petermann), quando ele mesmo teve que se livrar do corpo do tecelão em um rio. Joaquim ficará perturbado e começará a tremer.

Depois, surgirá abalado em uma conversa com a mãe, que perguntará: “Então não conseguiu matar o gabiru? Estava com a pedra na mão e não conseguiu dar xeque mate no malandro? Mas o que foi que te deu, filho?”.

“Na hora eu só me lembrava do Abel. Do tiro que deu nele, de como eu tive que me livrar do corpo. Não consegui... Sou mesmo um covarde!”, responderá Joaquim aos gritos.

A assassina vai reparar no nervosismo do filho e tentar acalmá-lo. “Não fique assim. Viu só como eu tinha razão em me preocupar com você? Quando contratou o assassino de aluguel? Quando foi armado até a fazenda e flagrou a Dorinha com o patife? Tem um bom coração. Se tivesse cometido um crime, não ia viver em paz com sua consciência”, dirá.

Em resposta, o menino falará que não herdou o sangue-frio e a coragem da mãe, por isso não conseguiu seguir com o ato. “Não fique assim, meu filho. Pelo menos, agora o maldito vai apodrecer na prisão”, tranquilizará a personagem de Bárbara Paz.

“Será? Parece que o Matias [Antonio Calloni] confessou o crime. Se for verdade, não demora e vai ser solto”, questionará Joaquim por fim.