AnaMaria
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaSpotify AnaMaria

Conflitos no 'BBB21' podem desencadear e agravar quadro emocional, diz especialista

"A nova conduta comportamental de excluir determinada pessoa representa uma enorme negatividade", completa o psicólogo

Da Redação Publicado em 04/02/2021, às 13h37 - Atualizado às 13h45

Juliette, Karol Conká e Lucas Penteado protagonizaram inúmeras discussões na primeira semana do programa - Globo
Juliette, Karol Conká e Lucas Penteado protagonizaram inúmeras discussões na primeira semana do programa - Globo

O 'BBB21' está dando o que falar nas redes sociais! Um dos nomes que mais se envolvem em polêmicas são os de Lucas Penteado eJuliette.

Além deles terem protagonizados diversos momentos preocupantes com a maioria dos brothers, outro fato que chamou atenção do público é a forma com que eles são tratados.

Pensando nisso, o psicólogo Alexander Bez explica à AnaMaria Digital o que pode estar por trás do comportamento dos confinados, e os danos dessa pressão psicológica que eles vem sofrendo nesses dias de confinamento.

1 - Essa pressão psicológica pode acabar piorando o estado emocional?

A primeira questão a ser pontuada é que entrar em um reality de qualquer natureza já coloca as pessoas em situações de vulnerabilidade. Pessoas já fragilizadas emocionalmente, como Lucas Penteado [que assumiu ter se curado da depressão], tender a sofrer bastante com todas as emoções da competição. A grande diferença que irá promover o sucesso pessoal no BBB é justamente a flexibilidade em diversos tipos de situações, desde as mais conflitantes até as felizes.

Quanto mais emocional o participante for, maior a probabilidade de não se encontrar no jogo. Lucas e Juliette estão sofrendo severas críticas e retaliações. Lidar com essas situações não é fácil para ninguém, mas para o brother esses conflitos podem acabar minando sua capacidade de entender as questões do outro, pensar coletivamente.

2 - Lucas se desentendeu com alguns brothers da casa, isso se deve a instabilidade emocional?

Em Reality Shows tipo o BBB há muitos tipos de pressões. A idade cronológica pode indicar falta de preparo, mas se houver uma densa maturidade psicológica, pode-se compensar a pouca idade, e assim a falta de experiência no lidar social pode não constar como um agravante. Nesse tipo de interação social midiática a inteligência emocional acaba sendo mais valiosa que a idade cronológica. Lucas é jovem, mas sua fragilidade está no trato psicológico.

3 - Ele fala que sua personalidade é um resultado de muitos traumas. O racismo possibilita o sofrimento psíquico?

Os traumas emocionais são contundentes para evocar desequilíbrios psicoemocionais. Sim, o racismo pode desencadear muitos conflitos, principalmente no tocante à autoestima. Tem que haver uma diretriz familiar de apoio maciço e efetivo para uma estruturação psicológica forte. O racismo afeta contundentemente a vida da vítima, pode deixar marcas e traumas severos em quem sofre. As consequências podem afetar da conjunção social até as profissionais. A vítima, como Penteado, apresenta sintomatologias psicológicas bem determinantes, como Transtornos de Ansiedade, Transtornos Depressivos, anotados em várias nuances.

4 - Por que as pessoas lá dentro do reality se preocupam tanto com o cancelamento?

Porque é uma cultura atual. A nova conduta comportamental de excluir determinada pessoa representa uma enorme negatividade. No trato emocional significa que a pessoa não terá apoio daquilo que sustenta, trazendo sentimento de exclusão, tristeza, insegurança e medo do amanhã. Os brothers confinados estão tensos pela possibilidade de serem cancelados e terem que lidar com as críticas e rejeição por parte do público.

{# Taboola Newsroom #}