Verão chegando: veja o que fazer para evitar os danos do sol na pele

Confira o que você precisa saber para evitar os danos do sol na pele no verão

domingo 13 outubro, 2019
Se estiver na praia, mesmo embaixo do guarda-sol, o uso do produto é recomendado
Se estiver na praia, mesmo embaixo do guarda-sol, o uso do produto é recomendado Foto:Banco de Imagem/Getty Images

Com o verão chegando, as temperaturas aumentam e a vontade de correr para renovar o bronze também! 

No entanto, você sabe quais os riscos sobre o uso indevido do protetor solar?

O dermatologista Jardis Volpe, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e da Academia Americana de Dermatologia, bateu um papo com AnaMaria Digital e explica abaixo tudo o que você precisa saber sobre fotoproteção.

“Não há maneira segura de se bronzear. Toda vez que você se bronzeia, você danifica sua pele. À medida que esse dano aumenta, você acelera o envelhecimento da pele e aumenta o risco de todos os tipos de câncer de pele”, alerta.

QUEM PRECISA DE PROTETOR SOLAR?
Todos. “O uso de protetor solar pode ajudar a prevenir o câncer de pele, protegendo-o dos raios ultravioleta nocivos do sol. Qualquer pessoa pode ter câncer de pele, independentemente da idade, sexo ou raça”, afirma o especialista.

QUE FILTRO SOLAR DEVO USAR?
De acordo com Jardis, para proteger sua pele dos raios nocivos do sol, você deve usar um protetor solar que ofereça, no mínimo, FPS 30, proteção de amplo espectro (UVA/UVB/Infrared) e resistência à água.

QUANDO DEVO USAR PROTETOR SOLAR?
Todos os dias. “O sol emite raios UV nocivos durante todo o ano. Mesmo em dias nublados, até 80% dos raios UV nocivos do sol podem penetrar na sua pele. A areia, a água e até mesmo a neve aumentam a necessidade de filtro solar porque refletem os raios do sol”, diz o dermatologista. 

Se estiver na praia, mesmo embaixo do guarda-sol, o uso do produto é recomendado: “Pesquisa recente descobriu que o guarda-sol, por exemplo, não consegue bloquear as radiações e oferece, no máximo, FPS 8”.

QUANTO PROTETOR SOLAR DEVO USAR E COM QUE FREQUÊNCIA DEVO APLICÁ-LO?
Para obter a proteção do fator de proteção solar descrito na rotulagem é necessário aplicar 2mg/cm2, ou seja, se pensarmos em rosto, equivale a uma colher de café cheia.

QUAL A DIFERENÇA ENTRE OS RAIOS UVB E UVA?
“Os raios UVA podem envelhecer prematuramente a sua pele, causando rugas e manchas senis, e podem atravessar o vidro da janela. Já os raios UVB são a principal causa de queimaduras solares e são bloqueados pelo vidro da janela”, diz Volpe.

QUAL É A DIFERENÇA ENTRE FILTROS SOLARES QUÍMICOS E FÍSICOS?
Os filtros solares químicos funcionam como uma esponja, absorvendo os raios do sol. Eles contêm um ou mais dos seguintes ingredientes ativos: oxibenzona, avobenzona, octisalato, octocrileno, homosalato e octinoxato. Estas formulações tendem a ser mais fáceis de esfregar na pele sem deixar um resíduo branco. 

“Já os filtros solares físicos funcionam como um escudo, uma barreira de tijolos na superfície de sua pele e que desviam os raios do sol. Eles contêm os ingredientes ativos óxido de zinco e/ou dióxido de titânio. Opte por este protetor solar se tiver pele sensível. O ideal é que tenha os dois tipos de proteção.”

COMO POSSO PROTEGER MEU BEBÊ OU CRIANÇA DO SOL?
Segundo o médico, os pais devem evitar expor bebês menores de 6 meses aos raios solares. "A melhor maneira de proteger os pequenos é mantê-los à sombra o máximo possível, além de vesti-los com mangas compridas, calças, chapéu de abas largas e óculos escuros. Certifique-se também de que eles não estão sobreaquecidos", explica.

Se o seu bebê está agitado, chorando excessivamente ou tem vermelhidão em qualquer pele exposta, o dermatologista recomenda levá-lo para dentro de casa. 

O uso de protetor solar deve ser evitado, se possível, em bebês com menos de seis meses. Após esse período, é necessário usar protetores especialmente desenvolvidos para crianças. Quando estiver ao ar livre, o protetor solar deve ser reaplicado aproximadamente a cada duas horas, ou com a frequência indicada pelo rótulo. 

POSSO USAR O PROTETOR SOLAR QUE COMPREI NO VERÃO PASSADO OU PRECISO RENOVAR?
Dermatologistas recomendam usar protetor solar todos os dias quando você está fora, não apenas durante o verão. Se você estiver usando protetor solar todos os dias e na quantidade correta, um produto não deve durar muito. 

“Se a data de validade já passou, jogue fora o produto; se você comprar um protetor solar que não tenha uma data de validade, escreva a data em que comprou na embalagem. Dessa forma, você saberá quando jogá-lo fora pelo prazo após aberto”, orienta. 

Outra indicação é procurar por sinais visíveis de que o filtro solar pode não ser eficiente. Qualquer mudança óbvia na cor ou consistência do produto significa que é hora de comprar outro.

USAR PROTETOR SOLAR LIMITARÁ A QUANTIDADE DE VITAMINA D?
Usar protetor solar pode diminuir a produção de vitamina D da sua pele. Se você está preocupado que não está recebendo vitamina D suficiente, você deve discutir suas opções para obter vitamina D com seu médico. “Muitas pessoas podem obter a vitamina D de alimentos e/ou suplementos vitamínicos. Essa abordagem fornece a vitamina D de que você precisa sem aumentar o risco de câncer de pele.”

COMO FAÇO PARA TRATAR UMA QUEIMADURA SOLAR?
É importante começar a tratar uma queimadura o mais cedo possível. Além de impedir mais exposição aos raios UV, Jardis recomenda o tratamento com: banhos frios para reduzir o calor; hidratante para ajudar a aliviar o desconforto causado pelo ressecamento; creme de hidrocortisona que você pode comprar sem receita médica para ajudar a aliviar o desconforto; aspirina ou ibuprofeno, que ajudam a reduzir o inchaço, vermelhidão e desconforto, além de beber água extra para evitar a desidratação. 

“Se a sua pele estiver com bolhas, você está com uma queimadura de segundo grau. É hora de buscar ajuda médica”, finaliza.

Da Redação
Leia Mais:

ANAMARIA RECEITAS

  1. 1 Musse de milho-verde; veja o passo a passo desta receita Musse de milho-verde; confira esta receita irresistível
  2. 2 Bife ao forno; prepare esta receita deliciosa
  3. 3 Torta rápida de salame; aprenda a preparar essa receita
  4. 4 Torta prática de arroz; experimente essa delícia
  5. 5 Quindim de mandioca; uma receita deliciosa