AnaMaria
Famosos / De novo?

Adele é acusada por internautas de plagiar música de Chico Buarque e Tom Jobim

Equipe de Chico Buarque se pronunciou sobre suposto plágio em nova música de Adele

Da Redação Publicado em 23/11/2021, às 16h06 - Atualizado às 16h06

Internautas comentam semelhança entre música de Adele e Chico Buarque - Simmon Emmett/Divulgação
Internautas comentam semelhança entre música de Adele e Chico Buarque - Simmon Emmett/Divulgação

Adele está envolvida em um nova polêmica. É que depois de ser acusada de plágio por conta da música 'Mulheres', composta por Toninho Geraes e gravada por Martinho da Vila, diversos perfis acusaram a cantora de fazer o mesmo com a canção 'Eu te amo', de Tom Jobim e Chico Buarque. 

Internautas identificaram um trecho parecido com a música dos brasileiros na faixa 'To Be Loved', do disco '30, lançado por Adele neste mês. A semelhança impressionou tanto que alguns chegaram a dizer que até o título, que traduzido significa 'ser amado', é parecido com a 'Eu te amo' de Chico. 

O assunto repercutiu nas redes sociais e dividiu opiniões. "Adele não plagiou Chico Buarque e Tom Jobim. O vídeo que viralizou mostra duas intros de piano que nem são tão parecidas. Vocês estão surdos", disse um usuário do Twitter. "Pode copiar, só não faz igual", ironizou outro. 

No entanto, a equipe de Chico Buarque se pronunciou sobre o assunto, negando que Adele tenha plagiado a música do artista. Para a 'Folha de S. Paulo', eles explicaram não existem semelhanças entre a canção 'Eu Te Amo' e a faixa 'To Be Loved'.

Confira o vídeo da comparação publicado pelo perfil 'Gossip do Dia', no Instagram:

PROCESSO POR PLÁGIO
O compositor da música 'Mulheres', Toninho Geraes, está processando a cantora Adele por plágio. O autor do hit de Martinho da Vila entrou na justiça contra a britânica por ela ter supostamente copiado sua canção em 'Millions Years Ago', do álbum '25', lançado em 2015.

Ele contratou um advogado para acionar a gravadora da estrela internacional, a XL Recording, a distribuidora do álbum no Brasil, a Sony Music, e o produtor Greg Kurstin, que junto de Adele, assinou a composição.