AnaMaria
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaSpotify AnaMaria

Mais de 15 anos depois, Tom Hanks detona ‘O Código da Vinci’: “bobagem comercial”

Tom Hanks deu sua opinião sincera sobre a clássica franquia ‘O Código da Vinci’

Da Redação Publicado em 14/06/2022, às 12h56

Tom Hanks e Audrey Tautou no cartaz de 'O Código da Vinci' - Instagram/@_nowshowing_
Tom Hanks e Audrey Tautou no cartaz de 'O Código da Vinci' - Instagram/@_nowshowing_

Tom Hanks expressou sua opinião sincera sobre ‘O Código da Vinci’, franquia que ajudou a eternizar seu rosto no cinema mundial, após 16 anos de sua participação. A declaração foi feita durante uma entrevista ao New York Times sobre sua extensa carreira nas telas. 

Baseados nos livros de Dan Brown, os longas da série ‘O Código da Vinci’ são um sucesso de bilheteria no mundo inteiro, cativando fãs com a construção do suspense e a corrida contra o relógio que envolve a trama. Para Tom Hanks, por outro lado, os filmes não passam de “bobagens comerciais” e “historicamente incorretos". 

O ator prosseguiu criticando o trabalho do diretor da franquia: "Por Deus, aquilo foi um investimento puramente comercial. Sim, as sequências de Robert Langdon são bobagens. 'O Código Da Vinci' é uma bobagem" e compara a uma outra famosa série “pipoca”: "Eles são caças ao tesouro divertidas, mas tão historicamente corretas quanto James Bond é fiel ao mundo real da espionagem".

FILMES E LIVROS COMERCIAIS

Além de atacar os longas, Tom Hanks também direciona sua rejeição a todo o conceito da obra escrita por Dan Brown, um clássico da literatura ficcional: “Ele escreve: 'Olhe esta escultura em Paris!'. Bom, não, ela está em outro lugar. 'Olhe como essas locações formam uma cruz no mapa!'. Bom, parece só um pouco uma cruz".

Comparando a franquia com os outros filmes em seu recheado portfólio, o ator admite a intenção comercial das produções e não vê problema nisso. Mas ainda afirma que a proposta dos longas falha até mesmo entre os filmes comerciais: "Não há nada errado com um bom filme comercial, desde que seja um bom filme comercial. Acho que, quando fizemos o terceiro, já tínhamos provado que não era o caso com essa franquia.”

Apesar do potencial agressivo nas falas de Tom Hanks, contra fãs de ‘O Código da Vinci’, a contribuição de seu trabalho para a cultura da sétima arte em todo o mundo fala por si só. Esta é a propriedade que Hanks usa para criticar o que quer que seja. 

{# Taboola Newsroom #}