AnaMaria

Participantes de 'Ilha', novo reality da Record TV, acusam emissora de favoritismo a Pyong Lee

Ex-BBB estaria sendo beneficiado nas provas do programa

Da Redação Publicado em 16/07/2021, às 11h03 - Atualizado às 11h04

Pyong Lee está no elenco de 'Ilha' - Divulgação
Pyong Lee está no elenco de 'Ilha' - Divulgação

O novo reality da Record TV, 'Ilha', ainda não estreou, mas já tá dando o que falar. Isso porque houve participantes que acusaram a emissora de favorecer Pyong Lee. A informação é da coluna de Leo Dias, do portal Metrópoles, divulgada na última quinta-feira (15). 

De acordo com o jornalista, o ex-BBB é considerado um dos protagonistas da atração e, por isso, estaria sendo beneficiado pelo canal nas provas. Além disso, uma fonte revelou que a Record tem uma cláusula no contrato em que pode mudar as regras do reality quando quiser.

O favoritismo ao empresário e influenciador digital aconteceu na chamada prova do guardião, que deixa o vencedor imune e não o permite participar das outras dinâmicas da competição naquela semana. 

“Quando o Pyong venceu a prova e virou o guardião, a emissora deixou ele participar das provas, mudando, assim, as regras na vez dele. Do início ao fim, beneficiam o Pyong e não sei qual o intuito da Record nisso”, relatou uma fonte para o colunista. Desta forma, o ex-BBB já seria um dos finalistas. 

'Ilha' é gravado em Paraty (RJ) e apresentado por Sabrina Sato. O programa irá ao ar nas noites de segunda a sábado. A estreia está prevista para o próximo dia 25.

O formato é original da Record e tem 13 celebridades no elenco. O vencedor leva o prêmio de R$ 500 mil. Já o campeão pelo público irá faturar R$ 250 mil. Procurada pela coluna, a emissora afirmou que não irá se pronunciar sobre o assunto.