AnaMaria
A Fazenda / Desabafo!

Ex-Fazenda Dayane Mello pede respeito aos fãs: ''Eu leio tudo e isso me machuca''

Modelo Dayane Mello desabafou sobre ataques de ódio na internet e pediu mais empatia

Da Redação Publicado em 29/12/2021, às 16h21

Dayane Mello abriu o coração ao falar sobre os ataques de ódio - Instagram/ @dayanemelloreal
Dayane Mello abriu o coração ao falar sobre os ataques de ódio - Instagram/ @dayanemelloreal

A ex-participante de 'A Fazenda', Dayane Mello, usou as redes sociais nesta quarta-feira (29) para pedir mais empatia aos fãs.

A modelo, que teve uma participação polêmica no reality da Record TV, resolveu abrir o jogo em seu perfil no Twitter sobre as consequências dos ataques de ódio, que agora estão se estendendo à pessoas próximas.

"Quando eu fiz o vídeo pedindo respeito ao meu irmão, eu queria que fosse válido à todos que eu amo. Eu recebo tantas mensagens de ataques as pessoas que eu amo. Eu leio tudo e isso me machuca também. Por favor, respeitem minha família e meus amigos", escreveu ela.

Na sequência, ela falou da gratidão que tem pelos fãs e fez um pedido: "Mais uma vez eu vindo aqui escrever sobre respeito. Eu sei que vocês me amam, sou grata por tudo que vocês fazem por mim. Sei que sem vocês eu não seria nada, mas quero que respeitem as pessoas que escolho para minha vida".

"Vocês não estão só humilhando ou ferindo essas pessoas, mas a mim também. Eu sou uma pessoa real e com sentimentos reais e por ser tão sincera e transparente com vocês, eu peço: respeitem minhas escolhas e as pessoas que eu amo. Juliano, Vanessa, Helena, Deci e muitas outras que ainda virão a somar na minha vida. Vamos nos respeitar e entrar em 2022 com amor e empatia no coração", concluiu a modelo.

DEFENDEU NEGO DO BOREL

Dayane Mello, enfim, quebrou o silêncio sobre a situação polêmica que resultou na expulsão de Nego do Borel do reality show 'A Fazenda 13'. Após as especulações de que teria sido abusada sexualmente pelo funkeiro, a ex-peoa usou suas redes sociais, recentemente, para esclarecer os fatos através de uma nota oficial.

"Chegando na minha casa, me deparei com muita coisa. O que mais me machuca realmente é dar culpa a uma pessoa que não me abusou, que não me estuprou. Não aconteceu nada. Por mais que todas as mulheres do mundo querem que eu seja uma porta voz de um estupro, eu não vou ser!", iniciou ela.

Segundo Dayane, os fatos da noite em questão foram totalmente destorcidos: "Não vou fazer uma pessoa passar como um estuprador, porque ele não me estuprou. Estou em paz, não sou capaz de levar essa responsabilidade sabendo o que aconteceu naquela noite".