Aprenda como driblar a insônia durante a quarentena

Uma noite em claro pode alterar o humor, a concentração e até mesmo comprometer o sistema imunológico

Da Redação Publicado quinta 4 junho, 2020

Uma noite em claro pode alterar o humor, a concentração e até mesmo comprometer o sistema imunológico
Opte por refeições equilibradas durante o dia e escolha alimentos leves antes de dormir - Banco de Imagem/Pixabay

A pandemia do novo coronavírus transformou drasticamente a vida das pessoas. O distanciamento social nos obrigou a reorganizar a rotina dentro de casa, muitas vezes aumentando o nível de estresse e ansiedade.

E a incerteza sobre o futuro acarreta em uma série de problemas, como a insônia. O distúrbio é caracterizado pela dificuldade de dormir, manter-se dormindo ou acordar antes do horário desejado.

No Brasil, de acordo com a Associação Brasileira do Sono, a cada três brasileiros, pelo menos um tem insônia. 

“A falta de sono pode acarretar em irritabilidade e mal humor, dificuldade de concentração, piora da memória, aumento de peso, além de comprometer o sistema imunológico”, afirma Flavia Morais, diretora de nutrição e desenvolvimento de produtos do Mundo Verde.

Para minimizar os impactos do problema, a especialista dá dicas de como fazer mudanças na rotina podem contribuir para uma boa noite de sono.

FAÇA REFEIÇÕES LEVES
Opte por refeições equilibradas durante o dia e escolha alimentos leves antes de dormir. Refeições pesadas, muito gordurosas ou com muita proteína necessitam de trabalho e energia para a digestão, o que atrapalha a qualidade do sono. Procure fazer sua última refeição pelo menos duas horas antes de dormir.

CORTE A CAFEÍNA
Evite o excesso de café, bebidas energéticas, refrigerantes a base de cola ou guaraná que tem grande quantidade de cafeína, que é uma substância estimulante do sistema nervoso. Alguns estudos apontam que a cafeína pode ficar no organismo cerca de 4 a 7 horas. Para garantir um boa noite de sono, evite o consumo de bebidas e alimentos estimulantes após às 14h. Essas bebidas ainda têm açúcar, o que pode causar desconforto e irritabilidade.

BEBIDAS ALCOÓLICAS
Apesar de o primeiro efeito do álcool ser sedativo, após um tempo ele pode provocar agitação. Evite o consumo de álcool até seis horas antes de dormir.

APOSTE EM ALIMENTOS RICOS EM TRIPTOFANO
Alimentos como banana, aveia, cacau, castanhas, amêndoas, ovos, leite e derivados possuem triptofano, um aminoácido produtor de serotonina, que proporciona prazer e a sensação de bem-estar. A serotonina ajuda a espantar o estresse e, consequentemente, diminui os níveis de cortisol, o hormônio do estresse. Quanto mais relaxado você estiver, maiores as chances de ter uma boa noite de sono.

CONSUMA CHÁ
Chás como capim-cidreira, maracujá, hortelã, melissa e camomila exercem função calmante sobre o sistema nervoso, ajudando a pessoa a relaxar, o que naturamente acaba levando ao sono. Aposte neles e, para melhores resultados, evite adoçá-los.

CUIDADO COM O GLUTAMATO
Observe a lista de ingredientes dos produtos. O Glutamato Monossódico é um aditivo alimentar classificado como intensificador de sabor. Ao ingerirmos sob a forma concentrada, ele é absorvido rapidamente e estimula as células nervosas, podendo agravar o quadro de insônia.

Último acesso: 06 Aug 2020 - 19:09:53 (1111910).