AnaMaria

Você e a garotada: "Vai para a sua caminha..."

Muitas vezes as crianças recorrem ao quarto dos pais mais por hábitos de sono do que necessariamente por carência.

Dra. Deborah Moss Publicado em 20/02/2017, às 16h00 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h45

Você e a garotada: "Vai para a sua caminha..." - Dra. Déborah Moss
Você e a garotada: "Vai para a sua caminha..." - Dra. Déborah Moss
"Minha filha de 2 anos toda noite vem pra nossa cama. Isso é ruim para a relação dos pais e a independência dela?”

A. I., por e-mail


Só vocês poderão responder, pois o que é considerado certo para uma família pode ser totalmente errado para outra. Você e seu marido aceitam numa boa? Estão confortáveis com a situação? Cabe a vocês avaliarem os prós e os contras dessa rotina.
Lembrando que muitas vezes as crianças recorrem ao quarto dos pais mais por hábitos de sono do que necessariamente por carência. Um ponto importante é que, uma vez que se estabelece a mania de dormir na cama dos pais, nem sempre a decisão de voltar a dormir sozinha partirá da própria criança. Dificilmente se convence um filho de que dormir sem os pais é mais gostoso do que com eles. Ou seja, acabar com esse hábito pode ser difícil em qualquer idade. Prepare-se para a adaptação, que nem sempre é tranquila. Ao que se refere à independência, sua filha tem apenas 2 anos e ainda precisa muito de você. Mas podemos falar de autonomia – as crianças nesta idade já apresentam a capacidade de dormir por si mesmas, a noite toda, e conscientes de que papai e mamãe estão sempre por perto. Por último, atenção: cama de casal é originalmente feita para comportar duas pessoas. Verifique se com a presença de mais uma o espaço fica confortável a ponto de os três dormirem bem por toda a noite. Isso é importante, pois crianças costumam ser espaçosas e se movimentam bastante durante a noite. Se um de vocês acordar exausto, dificilmente será uma situação saudável para a família. Não esqueça: as crianças precisam dormir bem e a noite toda e, ao mesmo tempo, terem papais e mamães bem descansados.


Nesta idade, sua filha precisa dormir por ao menos 10 horas seguidas. Uma boa noite de sono faz milagres com as crianças.
Estimula a inteligência, combate a obesidade infantil, ajuda a ir bem na escola...


Se ela tem medo de dormir sozinha, ajude-a a escolher um amigo do sono, que seja seu companheiro – algo que represente a proteção e o carinho dos pais por toda a noite...


Dra. Deborah Moss
Neuropsicóloga especialista em comportamento e desenvolvimento infantil e mestre em psicologia do desenvolvimento pela Universidade de São Paulo (USP). Consultora do sono certificada pelo International Maternity and Parenting Institute, no Canadá.


Envie suas perguntas para dra. Deborah Moss pelo e-mail anamaria@maisleitor.com.br