AnaMaria
Famosos / Pai e filho

Filho de Chico Anysio, Nizo Neto, conta que e-mail do pai prejudicou sua carreira na Globo

''Você não põe meu filho para trabalhar porque já comi muito sua mãe'', escreveu humorista em email para diretores da Globo

Da Redação Publicado em 22/03/2021, às 10h31 - Atualizado em 23/03/2021, às 09h20

Nizo Neto falou sobre carreira e vida em entrevista - YouTube
Nizo Neto falou sobre carreira e vida em entrevista - YouTube

Ser filho de Chico Anysio tem seu lado bom e seu lado ruim. Pelo menos foi o que afirmou Nizo Neto, em entrevista ao podcast Inteligência Ltda, divulgada nesta segunda-feira (22). O ator contou que chegou a ter a carreira prejudicada por causa do ciúme do pai e de um email que o humorista enviou a diversos nomes importantes da TV Globo. 

"Meu pai era um cara muito ciumento com o elenco dele, imagina com os filhos. Então as pessoas tinham medo de me chamar [para trabalhos] porque achavam que iam melindrar meu pai e realmente melindrava, ele ficava com ciúme", relembrou.

Nizo contou que para deixar 'A Escolinha do Professor Raimundo' e fazer parte da novela 'A Próxima Vítima', na década de 90, precisou de "preparação" e muitas conversas com o pai. "Eu tava querendo me desvincular um pouco disso." 

No entanto, ele ressalta: "Ser filho do chico é maravilhoso, a coisa mais incrível que aconteceu na minha vida. Mas tem um lado ruim também, cara", disse.

Isso porque certa vez, Chico mandou um email para diversas pessoas da família e personalidades acusando diretores - os quais Nizo não revelou os nomes - de não chamarem seu filho para outros trabalhos na emissora.

"E aí ele me mostrou um texto que ia mandar naquela noite. Basicamente o texto era assim: 'Vocês, diretores da globo, são todos uns filhos da pu**, porque meu filho quer fazer novela e vocês não chamam ele. Fulano de tal, você não chama meu filho porque eu comi muito a sua mãe.' Esse diretor tinha acabado de me chamar pra fazer uma participação na novela. Pra outro [diretor]: 'você não chama porque você é viad*'. Esse cara tinha me chamado pra fazer um pu** trabalho com ele em uma novela", contou o ator. 

Nizo relembrou que chegou a repreender o pai e pediu para que ele não enviasse o email para não criar um situação de constrangimento. Chico, no entanto, enviou e acabou passando por uma situação complicada com o próprio filho.

"Eu fiquei seis meses sem falar com ele. Tem diretor hoje que não olha na minha cara por causa desse email, não vou nem dizer que nem me chama pra trabalhar [risos]", disse. 

Diante da situação, Nizo acabou ligando para todos os diretores que receberam o email e se desculpou. Além disso, Chico Anysio foi suspenso pela Globo e ficou três meses sem receber salário. 

"Meu pai era uma pessoa extremamente generosa, mas totalmente impulsivo. E esses caras que tem uma imagem muito... [grande] eles perdem a noção. Ele é o cara desse nível de respeito há muitos e muitos anos, então perde a noção do que é a realidade da vida", opinou o ator.  

FORA DE SI
Em outro trecho do podcast, Nizo também se lembrou da morte do filho, Rian Brito, que morreu após ingerir o chá de Ayauaska - bebida com potencial alucinógeno e usado em algumas religiões -, aos 26 anos. 

"Foi um horror. Ele pirou, teve um surto psicótico, entrou num processo de anorexia porque não queria mais comer. Ficou uma caveira. E ele internou numa clínica psiquiatrica."

O ator afirma que o filho estava em uma busca espiritual, na época. "Ele tomou o ayauaska e pirou. Foram quatro doses", contou. "Começou a ficar estranho e na quarta [dose] foi devastador." 

Nizo disse ainda que quatro psiquiatras renomados disseram que o surto de seu filho foi em consequência do chá. "Os médicos falaram: surtou e não volta." 

"Isso aí foi... não pode ter algo pior", ressaltou o ator.