famosos   / Look inusitado

Ludmilla aposta em touca ninja para sair de casa: ''Preguiça de arrumar cabelo e fazer make''

Cantora usou o acessório para cumprir compromissos do dia

Da Redação Publicado terça 26 outubro, 2021

Cantora usou o acessório para cumprir compromissos do dia
Ludmilla usa item inusitado para não fazer cabelo e maquiagem - Instagram/@ludmilla

Ludmilla resolveu inovar ao sair de casa com um acessório para lá de inusitado: a touca balaclava, também conhecida como touca ninja, para cumprir os compromissos da última segunda-feira (25). A cantora fez questão de compartilhar o look com os seguidores do Instagram e aproveitou para explicar a escolha. 

"Quando eu tenho milhares de coisas para fazer, porém estou com preguiça de arrumar o cabelo e fazer a maquiagem", escreveu ela ao publicar uma foto com o acessório. Na imagem, é possível notar que a cantora está sem maquiagem e fez somente uma trança no cabelo. 

Brunna Gonçalves, esposa da artista, claro, fez questão de compartilhar o visual da cantora em suas redes sociais. "Amei o mood 'não quero passar make nem pentear o cabelo, mas quero ir trabalhar no estilo", brincou.

Para completar o look, Ludmilla apostou em um moletom verde da marca Balenciaga, uma bermuda de ciclista branca e tênis branco. 

BOICOTE

Ludmilla demonstrou sua revolta com o Prêmio Multishow 2021, após não ter sido indicada à categoria ‘Cantora do Ano’. Nas redes sociais, a cantora fez um longo desabafo sobre um suposto boicote contra ela na premiação e anunciou o cancelamento de sua apresentação no evento. 

“Sou a primeira cantora negra da América Latina a acumular 1 bilhão de streams só no Spotify, hoje são mais de 1.5 bilhão de plays nas plataformas. Meus clipes somam 2,5 bilhões de views, Rainha da Favela ficou meses entre as músicas mais tocadas. São os números que falam!”, começou através do Twitter. 

Em seguida, Ludmilla listou uma série de razões que justificariam sua presença entre as indicadas - incluindo o lançamento de ‘Numanice Ao Vivo’, ‘Lud Session’ e ‘Deixa de Onda’. 

A cantora também aproveitou para lembrar a vitória do prêmio pela primeira vez, em 2019. “Impactei todo o sistema por ser a primeira cantora negra a ser indicada e a vencer essa categoria em 26 anos de prêmio, uma representante das minorias, uma cantora negra, bissexual, funkeira, periférica. [Desde então] nunca mais fui indicada na categoria ‘Cantora do Ano’”. 

“Infelizmente, essa é a forma que o sistema te boicota! Mesmo eu sendo indicada em outras categorias da premiação, é nítida a falta de reconhecimento e entendimento das (poucas) premiações que temos aqui no Brasil. Assim como eu, vários artistas de vários segmentos e bandeiras que mereciam ser indicados ou serem reconhecidos da mesma forma que entregam conteúdos para seus públicos e estão na mesma situação”, continuou.

Por fim, Ludmilla anunciou o cancelamento de sua performance no Prêmio Multishow deste ano. “Obrigada pelo convite, mas onde não sou bem vinda prefiro não estar só por educação. Boa festa a todos”, ironizou. 

Vale mencionar que as indicadas como ‘Cantora do Ano’ foram: Anitta, Ivete Sangalo, Iza, Luiza Sonza e Marília Mendonça. Por sua vez, Ludmilla está concorrendo às categorias ‘Hit do Ano’, com ‘Deixa de Onda’, e ‘Clipe TVZ do Ano’, com ‘Rainha da Favela'. 

Último acesso: 04 Dec 2021 - 23:16:12 (1151507).