AnaMaria
Últimas Notícias / Polêmica

Raquel Pacheco, a Bruna Surfistinha, rebate Bolsonaro: ‘’Cuide da moral da sua família’’

Bruna Surfistinha rebate comentário de Jair Bolsonaro sobre filme

Da Redação Publicado em 20/07/2019, às 16h00 - Atualizado em 18/08/2019, às 10h56

Raquel Pacheco, conhecida como 'Bruna Surfistinha'. - Reprodução/ Facebook
Raquel Pacheco, conhecida como 'Bruna Surfistinha'. - Reprodução/ Facebook

Raquel Pacheco, conhecida como Bruna Surfistinha, rebateu os comentários do presidente Jair Bolsonaro sobre o filme que carrega seu nome. A ex-prostituta é hoje DJ, e oferece consultoria sexual online.

"Sobre mais uma infeliz declaração do Bolsonaro, eu digo que ele, antes de fazer juízo de valor sobre os outros, ele deveria cuidar da moral da própria família, e ainda do nosso país. Afinal, ele está cuidando demais do que não precisa e fazendo pouco do dever dele principal, que é ser presidente", disse ela em entrevista ao jornal Extra.

O longa estrelado por Deborah Secco é baseado no livro de Raquel, ‘O Doce Veneno do Escorpião’, de 2005, no qual ela narra sua história. O filme foi lançado em 2011, e foi sucesso de bilheteria no Brasil.

O CINEMA DE BOLSONARO
Na solenidade de 200 dias de governo, o presidente revelou o desejo de mudar a Ancine (Agência Nacional do Cinema) para Brasília, e citou como exemplo “imoral” o filme de Marcus Baldini

Na última sexta-feira (19), Jair foi questionado, durante um evento, se já havia assistido a ‘Bruna Surfistinha’. 

"Eu não, pô! Vou perder tempo com Bruna Surfistinha? Tenho 64 anos de idade", disse ele.