AnaMaria

Saiba como evitar irritações na pele devido ao uso de máscara

Dermatologista indica medidas simples que ajudam a evitar e combater acne e dermatites

Da Redação Publicado em 30/09/2020, às 08h00

O uso de máscaras podem causar problemas na pele - Engin Akyurt/ Pixabay
O uso de máscaras podem causar problemas na pele - Engin Akyurt/ Pixabay

Em tempos de pandemia do novo coronavírus, as máscaras faciais se tornaram itens essenciais para a nossa proteção diária. Seu uso constante, porém, pode provocar alterações na pele do rosto e, por isso, requer atenção especial.

A dermatologista Adriana Vilarinho explica que o uso prolongado do item tem provocado o aparecimento de reações adversas na pele, como acne e dermatites. Isso acontece porque a máscara cria um ambiente abafado, propício para a proliferação de bactérias.

Além disso, com a respiração e liberação de gotículas de saliva, a pele pode ficar sensibilizada e oleosa, justamente dois fatores que acabam estimulando o aparecimento da acne. “Para quem já tem tendência, o uso da máscara pode agravar este quadro”, avisa Vilarinho. 

Ela ainda cita o cuidado mais importante para evitar o problema: "Higienizar o rosto pela manhã e à noite com sabonetes próprios para pele oleosa. Também recomenda-se usar produtos secativos com ácidos específicos para o controle da acne e, em alguns casos, antibióticos. Sem esquecer do filtro solar diariamente”.

E A MAQUIAGEM?
O uso de maquiagem por pacientes com pele oleosa pode piorar a acne. Mas, para quem não consegue ficar sem, a dermatologista indica manter a pele em contato com a máscara sempre higienizada, trocando-a no tempo recomendado, que é a cada três horas, segundo recomendações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

PELE SENSÍVEL
Outro alerta vai para pessoas com tendência a desenvolver dermatites, que podem piorar pelo contato da pele com o material da máscara. “Todos os tecidos sintéticos, materiais de TNT e cirúrgicos podem causar dermatites, alergia e coceira. Além disso, o acúmulo de saliva na região piora esse quadro, irritando a pele constantemente”, diz a especialista.

Uma sugestão para quem tem a pele mais sensível é usar papel filtro na parte interna da máscara, evitando assim o contato direto entre o material e a pele. A médica lembra ainda que é importante sempre higienizar bem os locais afetados com sabonetes para peles sensíveis, além de proteger e hidratar a área com cremes calmantes e água termal.

“Tanto no caso de pacientes com quadro de acne, quanto naqueles com dermatites, oriento suspender o uso da maquiagem até que o problema tenha sido resolvido”, conclui Adriana Vilarinho.