AnaMaria

Xuxa diz que não superou os abusos que sofreu na infância: ''Conviverei com isso para sempre''

A apresentadora julga necessário falar sobre o assunto para alertar as famílias

Da Redação Publicado em 26/09/2020, às 09h56 - Atualizado às 09h57

"Creio que há coisas que não superamos, mas, sim, convivemos", declarou - Instagram/@xuxameneghel
"Creio que há coisas que não superamos, mas, sim, convivemos", declarou - Instagram/@xuxameneghel

Xuxa Meneghellançou neste mês a biografia "Memórias" (Editora Globo), onde fala sobre as dificuldades e problemas que enfrentou em sua trajetória pessoal. Em um momento do livro, a apresentadora também cita o abuso que sofreu em sua infância. 

Em entrevista ao portal UOL, ela contou que não superou o caso e ainda carrega essa ferida aberta. "Não acredito que dê pra parar uma doença dessas (pedofilia), mas acho que nós podemos ser a vacina", disse.

Da série de abusos que sofreu quando era menina, inclusive de pessoas próximas à família, a apresentadora conta que carrega uma mania até hoje: tomar três a quatro banhos por dia. 

"Creio que existem coisas na vida que não superamos, mas, sim, convivemos. E isso é uma das coisas com a qual conviverei para sempre", detalhou a apresentadora.

Apesar da dor que carrega, Xuxa julga necessário falar sobre o assunto para alertar as famílias sobre estar sempre atentas com suas crianças. É algo que, pelo menos para ela, não há terapia que cure. 

"Tentei fazer terapia por causa da separação dos meus pais, mas depois de dois meses parei", contou.

POSSÍVEL RETORNO À GLOBO

Já se passaram cinco anos desde que Xuxa Meneghel deixou a TV Globo. Porém, existe a possibilidade da eterna rainha dos baixinhos voltar para a emissora.

É que segundo informações do colunista Fefito, do UOL, a apresentadora estaria negociando um programa semanal por lá.

Além disso, a loira também negocia os direitos de um documentário e o contrato de co-produção de 'Rainha', um longa sobre sua carreira. Este último, inclusive, já despertou o interesse da famosa plataforma de streaming Netflix. 

A estrela, que acabou de lançar um livro de memórias pela Globo Livros, ficará na Record TV até o fim do ano, que é quando seu contrato será encerrado. De acordo com a loira, sua despedida da emissora de Edir Macedo deve acontecer no final de 2020. 

"Infelizmente [vou sair]. Eu queria muito fazer o 'Dancing Brasil', foi o programa mais bonito da minha vida, tirando o 'Xou da Xuxa', que era a continuação da minha casa", disse. 

Xuxa foi apresentada como contratada da Record em março de 2015. Anteriormente, ela esteve na TV Globo por 30 anos, emissora em que construiu sua carreira.