AnaMaria

Xuxa Meneghel defende Thammy Miranda e rebate Silas Malafaia: ''Deveria ser preso''

''Esse povo preconceituoso não conhece a palavra de Deus que é amor'', escreveu a apresentadora

Da Redação Publicado em 29/08/2020, às 14h20 - Atualizado às 14h36

A apresentadora rebateu o pastor - Divulgação/TV Record | Instagram/@silasmalafaia
A apresentadora rebateu o pastor - Divulgação/TV Record | Instagram/@silasmalafaia

Xuxa Meneghel usou as redes sociais, na última sexta-feira (28), para defender Thammy Miranda dos ataques do pastor Silas Malafaia.

Isso porque o religioso promoveu um boicote à empresa de cosméticos Natura, que lançou uma peça publicitária de Dia dos Pais em que o filho de Gretchen foi convidado a ser um dos participantes. Por conta disso, o ator resolveu processá-lo.

Em uma postagem de Leo Dias sobre o caso, Xuxa resolveu defender Thammy e criticou o religioso. 

"Ai, como pode o ser humano usar o nome de Deus para destilar ódio, preconceito, discriminação? Ainda falam que se não for 'homem' ou 'mulher' é coisa do diabo. Como dão força e poder para o cara lá de baixo", iniciou ela nos comentários da publicação do jornalista.

"Deus criou tudo e todos, se tem algo que foi criado pelo 'homem' foi o preconceito. Isso, sim, é coisa do mau, do diabo. Esse povo preconceituoso não conhece a palavra de Deus, que é amor. A única linguagem que Deus entende e aceita é do amor", continuou a eterna 'Rainha dos Baixinhos'.

A apresentadora também enviou um recado para Thammy e todos que passam por esse preconceito. "Espero que o Thammy e muitos outros que sofrem esse preconceito vestido de fé recebam um abraço e um colo gostoso de Deus, acalme o coração que deve estar doido de tanto ódio".

Para finalizar, Xuxa disse que precisa haver uma punição. "Esse pastor e outros que usam o nome de Deus deveriam ser presos ou pagar uma multa absurda, pois como são gananciosos iriam pensar duas vezes antes de sair derramando seu odio em nome de Deus", concluiu.


Instagram/@xuxamenegheloficial