anamaria-testa   / Dicas de beleza

Resenha: Beyoung Primer Studio vale a pena?

Produto, com fórmula hipoalergênica, promete efeito lifting e maior fixação da maquiagem

Sabrina Castro, estagiária de AnaMaria Digital Publicado terça 3 agosto, 2021

Produto, com fórmula hipoalergênica, promete efeito lifting e maior fixação da maquiagem
Produto promete minimizar imperfeições e rugas antes da aplicação da base - Sabrina Castro

A marca Beyoung viralizou nos últimos meses por causa de uma intensa estratégia de divulgação com influenciadoras digitais. Nomes como Rafa Kalimann, Mariana Rios, Niina Secrets e Mari Saad fizeram publicidades pagas para a marca e aumentaram muito a visibilidade do Primer Studio. Afinal, o produto promete muito: fechar os poros, minimizar imperfeições, prolongar a maquiagem, minimizar rugas e controlar a oleosidade são alguns dos benefícios.

A fórmula, hipoalergênica (ou seja, com poucas substâncias que possam causar alergias em seres humanos) ainda assegura um efeito lifting instantâneo - isto é, o primer daria uma ‘esticada’ na pele, minimizando rugas e permitindo um deslizamento mais fácil da base ou pó, e, consequentemente, uma economia destes dois produtos.


Queridinho das blogueiras possui fórmula hipoalergênica e é dermatologicamente testado. (Crédito: Sabrina Castro)

Este efeito e a promessa de disfarçar as rugas são os principais atrativos do produto, que conta com as inscrição “pro-aging” (algo como “contra o envelhecimento”, em tradução livre) na embalagem. Por isso, o fabricante também declara que, além dos benefícios visíveis, o produto ainda resgata a firmeza e elasticidade da pele.

Vale ressaltar que o conceito pró-age se refere a alguém que se antecipa aos sinais mais marcantes do envelhecimento, usando produtos que ajudam a pele a passar pelas mudanças da idade de maneira saudável e suave. A marca oferece dois primers, com tipos de acabamento diferentes para a maquiagem: o matte (uma aparência mais fosca) e o glow (brilho).

O QUE O 'ANAMARIA TESTA' ACHOU?
Como a maioria das pessoas, fui impactada pelas publis das blogueiras, além das promoções imperdíveis de algumas campanhas das marcas. Na minha primeira compra, optei por um kit com base, primer e água micelar por R$200 (pretendo trazer resenhas sobre os outros produtos também). Na época, tive um problema, já que a empresa enviou minha base em um tom errado - mas, depois de um mês e muitas mensagens, consegui fazer a troca.

Desastrada como sou, porém, derrubei o primer no primeiro dia e quebrei o vidro. Ainda assim, poucos meses depois, não desisti e fiz uma segunda compra, também em momento de promoção. E, desta vez, testei o produto direito.

A primeira impressão que devo ressaltar é da embalagem. As cores e a própria forma do produto remetem a uma coisa cara, e é inegável que isso aumenta a percepção de valor do produto. Ainda assim, quando comecei a usar, percebi que não gostei muito do aplicador ser um conta-gotas. Parece que a escolha foi mais estética do que funcional; afinal, a consistência do produto não é tão líquida. Um pump ou uma bisnaga seriam mais práticos.


Consistência do produto não é tão líquida; assim, embalagem em pump ou bisnaga seriam mais práticas. Crédito: Sabrina Castro.

Eu senti pouca diferença em relação à cobertura de poros e ao efeito lifting. Alternativas (bem) mais baratas costumam performar tão bem ou até melhor do que o primer da Beyoung. Claro, o fato da fórmula ser hipoalergênica e não contar com ativos como o sulfato faz com que ele seja mais caro.

É inegável que o produto cria uma ‘camada’ por cima do seu rosto, fazendo que a pele fique mais lisinha e as linhas de expressão sejam menos marcadas. Usando ele é possível usar uma base de menor qualidade, garantindo um bom acabamento. Mas é importante seguir as recomendações do fabricante: após a aplicação, é necessário deixar o produto secar de três a cinco minutos antes de começar a maquiagem propriamente dita, para garantir sua eficácia.

Caso a sua pele seja muito oleosa, porém, não adianta achar que você pode aderir bases de acabamento natural, considerando que o produto promete controle da oleosidade. A pele vai começar a ‘brilhar’ no mesmo tempo que faria normalmente. O ideal é continuar escolhendo as bases mais ‘sequinhas’, mesmo usando o primer de acabamento matte (justamente o meu caso).


Produto custa R$60 no site da Amazon. (Crédito: Sabrina Castro)

VALE A PENA? No meu caso, considerando que não possuo nenhuma alergia as fórmulas tradicionais de maquiagem e uso outros cosméticos pro-aging, não. Vale mais a pena investir em uma base de alta qualidade e um primer mais baratinho.

QUANTO CUSTA? A embalagem com 30mL custa R$ 60 na Amazon.

COMPRADO OU RECEBIDO? Comprado.

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com o site da Amazon. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/33nX4U6 
Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2QmErLa

Último acesso: 27 Oct 2021 - 22:00:08 (1148313).