AnaMaria
Família/Filhos / Bilíngue

Quer que seu filho aprenda uma nova língua? Veja dicas para ajudar

Elencamos fatos importantes, além de métodos assertivos, para ajudar que seu filho aprenda uma nova língua

Da Redação Publicado em 07/03/2022, às 08h20

Games e desenhos animados podem ajudar seu filho a aprender uma nova língua. - Unsplash
Games e desenhos animados podem ajudar seu filho a aprender uma nova língua. - Unsplash

O processo de aprendizagem das crianças ocorre de maneira natural, espontânea e prazerosa como uma consequência da curiosidade característica da infância. Elas aprendem através de brincadeiras, não se preocupam com erros e nem com o tempo necessário para adquirir fluência. Por isso, o inglês para crianças ainda na primeira infância - ou seja, até os seis anos - é cada vez mais procurado por pais que desejam oferecer aos seus filhos fluência em uma segunda língua, ou seja, bilinguismo.

Mas, será que esse realmente é o caminho certo? Para ajudar a acabar com as dúvidas sobre o assunto, AnaMaria Digital conversou com Vanessa Gumiero, Diretora Pedagógica da GLED International Education, e separou algumas características da aprendizagem de uma nova língua e os métodos mais eficazes para crianças.

Aprendizado flui mais naturalmente

Quando a aula de inglês é adaptada de maneira a respeitar o desenvolvimento cognitivo das crianças, a tendência é que elas aprendam a nova língua de maneira tão natural quanto o idioma materno.

Melhoria da atenção e da memória

O bilinguismo na infância também traz benefícios à memória e à atenção das crianças, o que tende a refletir positivamente no desenvolvimento cognitivo e nos resultados do aprendizado em outras disciplinas.

Aperfeiçoa a função executiva do cérebro

As crianças bilíngues tendem a resolver problemas lógicos com mais facilidade e rapidez, tornando-se mais hábeis nas tarefas cotidianas.

Prepara para a vida adulta

Evidentemente, um adulto que fala um inglês nativo (ou quase) possui uma grande vantagem no mercado de trabalho. Isso significa dizer que a língua inglesa na educação infantil também prepara para os desafios da vida adulta.

Quanto aos métodos de aprendizagem, é necessário respeitar a necessidade do lúdico e do interativo que a criança naturalmente possui, como esses a seguir:

Gamificação

Uma excelente ferramenta para ensinar inglês às crianças é o sistema de gamificação, ou seja, transformar as lições da grade curricular em games. Isso porque os desafios sugeridos por esses jogos exigem que os pequenos se esforcem para interpretar as orientações que são passadas ao longo das partidas. E, hoje, já existem escolas que oferecem esse tipo de metodologia com ótimos resultados.

Tecnologia

A geração atual de crianças é altamente tecnológica, então aproveitar essa habilidade para educar é um ótimo caminho. Hoje em dia os pais podem procurar excelentes plataformas educativas online de língua inglesa que auxiliam muito na preparação e introdução das crianças ao bilinguismo, tudo com a interação e a tecnologia que elas amam.

Desenhos animados

Existem alguns desenhos animados que ensinam inglês para crianças. Isso porque essas produções são muito intuitivas, além de apresentarem a sintaxe e a pronúncia do idioma de uma maneira muito atrativa. Assistir a esses desenhos pode reforçar o que as crianças estão aprendendo no curso regular.

Brincadeiras

Brincadeiras e músicas tradicionais também podem reforçar e melhorar a aprendizagem da criança, tanto em aula quanto em casa. O jogo da forca, por exemplo, é uma forma divertida de enriquecer o vocabulário. Além disso, enquanto pulam corda podem aprender a contar ou enquanto cantam músicas típicas descobrir como se fala os nomes de vários animais e as partes do corpo.

"De tudo isso, o fato é que o inglês pode estimular o desenvolvimento cognitivo das crianças e abrir um mundo de novos conhecimentos e experiências, preparando os pequenos para os desafios do mundo globalizado", ressalta Vanessa.