AnaMaria
Busca
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaYoutube AnaMariaTiktok AnaMariaSpotify AnaMaria
Famosos / SAÚDE

Primeiro paciente da fila de transplante recusou coração; Faustão era o segundo da lista

Apresentador era compatível com o órgão e passou por cirurgia no último domingo (27)

Da redação Publicado em 28/08/2023, às 11h26

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Faustão está em recuperação após transplante de coração - Globo
Faustão está em recuperação após transplante de coração - Globo

A Central de Transplantes do Estado de São Paulo confirmou que Faustão era o segundo na lista de espera do transplante de coração. O apresentador passou pela cirurgia para receber o órgão na tarde do último domingo (27) após o primeiro paciente da fila recusar o coração.

O comunicador recebeu o coração após a equipe médica do primeiro paciente recusar o órgão. O motivo não foi revelado, mas tal decisão costuma ser comum, levando em conta a possibilidade de rejeição ou a falta de condição da pessoa para encarar a cirurgia naquele momento.

Além do tipo sanguíneo, são levados em conta outros critérios como compatibilidade genética, o tamanho do coração, a gravidade do paciente e a posição na lista.

"A seleção gerada para a oferta do coração deste receptor, através do sistema informatizado de gerenciamento do sistema estadual de transplantes, trouxe 12 pacientes que atendiam aos requisitos. Destes, quatro estavam priorizados, sendo que o paciente ocupava a segunda posição nesta seleção", afirmou a Central de Transplantes do Estado de São Paulo.

De acordo com o Ministério da Saúde, 12 pacientes foram transplantados entre os dias 19 e 26 de agosto em razão do estado de saúde ser considerado muito grave. Destes, sete são de São Paulo, "unidade da federação com maior volume de transplantes".

CORAÇÕES DOADOS

O Ministério da Saúde indicou ainda que foram feitos 206 transplantes de coração no Brasil somente no primeiro semestre de 2023. O número representa um aumento de 16% em relação ao mesmo período do ano passado.

A pasta também afirmou que é a responsável pela lista de transplante de órgãos no país para garantir igualdade entre pacientes da rede pública e privada. "Os pacientes, por meio do SUS, recebem assistência integral, equânime, universal e gratuita", diz.

Faustão foi transplantado sete dias após ser incluído na lista do SUS. De acordo com os médicos, o procedimento foi um sucesso e agora o apresentador está na UTI, uma vez que "as próximas horas são importantes para acompanhamento da adaptação do órgão e controle de rejeição". 

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!