AnaMaria

Amor na internet não tem idade!

Aplicativos e sites de namoro são para todos. Aliás, tem versões só para pessoas mais velhas. Saiba como utilizar essas ferramentas para a conquista

Ana Bardella Publicado em 06/06/2017, às 10h00 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h45

Amor na internet não tem idade! - Shutterstock/Arquivo Pessoal
Amor na internet não tem idade! - Shutterstock/Arquivo Pessoal
"Você precisa conhecer gente nova.” Que solteiro nunca escutou essa frase de algum parente ou amigo? Se a recomendação vem quando você está feliz com o momento de vida, não há por que dar ouvidos. Mas se anda se sentindo só e está em busca de um novo parceiro, não custa nada arriscar. E a internet está aí para lhe dar aquele empurrãozinho! Com tanta gente conectada em sites e aplicativos de paquera, as chances de encontrar a metade da sua laranja só crescem. Então, escolha os caminhos virtuais que mais têm a ver com você e cadastre-se.

“Mas é seguro?”
Como não dá para adivinhar as intenções de quem se corresponde com você, vale se precaver. “Preencha suas informações sem
detalhes”, indica Mariana Frensel, gerente de marketing do Match Group Latam, empresa especializada em plataformas de relacionamentos virtuais. Você pode dizer que trabalha, mas sem revelar o local. Da mesma maneira, vale dizer que tem filhos – desde que oculte os nomes e dados pessoais. Em compensação, se está de olho em alguém, conheça ao máximo da pessoa antes de encontrá-la. Decidida a bater um papo cara a cara? “Escolha um local movimentado, como um restaurante, para vocês se conhecerem melhor”, diz.

Como montar um perfil atrativo
■ Fotos: elas são parte essencial desse tipo de site ou aplicativo. Selecione algumas atuais, em que apareça seu rosto de maneira
nítida. Roupas coloridas também acabam ganhando mais destaque do que as neutras. E o principal: não tenha medo de mostrar
quem você é de verdade! Gosta de corrida? Poste uma imagem sua praticando o esporte. Seu hobby é a cozinha? Tire uma foto ao lado da sua especialidade culinária... Seja autêntica.

■ Preencha os espaços com informações verdadeiras: por exemplo, se você fuma, não adianta afirmar o contrário, pois a pessoa mais cedo ou mais tarde perceberá que mentiu.

■ Diferencial: na apresentação, aposte na criatividade e no bom humor. Afinal, quem não gosta de alguém engraçado?

■ Mantenha a frequência: nada de desistir se as primeiras conversas não fluírem.

■ Puxe assunto: percebeu que você e o pretendente têm algo em comum? Use o tema para quebrar o gelo e começar uma conversa.


Escolha o seu. Todos eles são gratuitos!

SITES
 ParPerfeito: por meio de um cadastro, informe o relacionamento que procura (namoro, amizade, sexo). Para Android e iOS.
 OurTime: para os acima de 50 anos e buscando relacionamento longo.
 Badoo: para conhecer gente nova e paquerar. Para Android, iOS e Windows Phone.
 Divino Amor: direcionado a evangélicos. Para Android e iOS.
 POF: com base em um longo cadastro, mostra pretendentes que têm a ver com você. Para Android.

APLICATIVOS
 Tinder: por meio da sua localização, mostra os futuros pretendentes. Para Android e iOS.
 Happn: apresenta uma lista de pessoas que “cruzaram” seu caminho. Para Android e iOS.



"Terminei um relacionamento e fiquei sozinha por alguns meses. Nesse tempo, não tinha companhia para sair, pois minhas amigas estavam comprometidas. Foi então que minha sobrinha me incentivou a procurar o site POF. Comecei navegando na brincadeira. Um rapaz veio falar comigo, mas estava desanimada e nem respondi. Porém, ele foi insistente... Dias depois, começamos a nos falar. Conversávamos todos os dias. Após dois meses, nosso primeiro encontro aconteceu. No mesmo dia fui pedida em namoro e aceitei. Hoje, estamos noivos e moramos juntos.”
Priscilla Trenti, 38 anos, operadora de caixa