AnaMaria
Últimas Notícias / Streaming

Após polêmica, Globo desiste de produzir série sobre goleiro Bruno

Globo desiste de estrear série sobre goleiro Bruno após polêmica

Da Redação Publicado em 10/03/2020, às 08h56 - Atualizado às 09h14

O atleta foi condenado pelo homicídio de Eliza Samudio - Instagram/@goleirobrunoficial
O atleta foi condenado pelo homicídio de Eliza Samudio - Instagram/@goleirobrunoficial

O Globoplay, serviço de streaming da Rede Globo, fez uma grande decisão sobre uma de suas produções, nesta terça-feira (10).

Segundo a colunista Patrícia Kogut, do O Globo, a série que retrataria a história do goleiro Bruno, condenado pelo homicídio de Eliza Samudio, foi cancelada.

O projeto seria dirigido por Amora Mautner e escrito por Lucas Paraizo. Recentemente, a ideia da obra causou revolta nos internautas, que expressaram suas opiniões nas redes sociais. 

“Oi? Só pode ser piada. E de mau gosto!”, afirmou Glória Perez em seu perfil no Twitter ao compartilhar a notícia confirmando a produção da série.

Ainda de acordo com a publicação, a plataforma tem cerca de sete série documentais sendo gravadas e há a intenção de fazer produções sobre crimes conhecidos. 

MÃE DA VÍTIMA
Sônia Moura, mãe de Eliza Samudio, criticou publicamente a intenção da Globo de criar uma minissérie baseada no crime que condenou o goleiro Bruno, assassino de sua filha. 

Em conversa com Márcia Goldschmidt, ela deu a sua opinião sobre a produção. 

“A única forma que meu neto tem de ver a mãe é por fotos, porque ele não tem ela por perto. É através de foto que ele pode ver a mãe dele, porque chega aniversário dele, chega aniversário dela, que é logo depois dele, não tem a mãe. Ele não sabe como era o cheiro da mãe dele, a voz da mãe dele, ele teve muito pouco tempo de vida com a mãe dele. Aí vem a Globo fazer essa minissérie?”, falou.