AnaMaria
Últimas Notícias / Polêmica

Filhas de Silvio Santos influenciaram suspensão de Marcão do Povo, diz colunista

Renata e Daniela fizeram uma ligação ao pai questionando a suspensão

Da Redação Publicado em 09/04/2020, às 14h29 - Atualizado às 14h31

Marcão foi suspenso do Primeiro Impacto por 15 dias - Instagram/ @marcaodopovo
Marcão foi suspenso do Primeiro Impacto por 15 dias - Instagram/ @marcaodopovo

A suspensão de Marcão do Povo do ‘Primeiro Impacto’, na última quarta-feira (8), movimentou os bastidores do SBT. Logo depois da fala do jornalista, toda a equipe se reuniu, mas a decisão final foi de Silvio Santos.

Segundo informações do colunista Ricardo Feltrin, do UOL, a primeira a levar o assunto para a reunião foi Renata Abravanel, recém-empossada e presidente do Grupo SS, e sua irmã, a também diretora Daniela Beyruti.

As duas fizeram contato com Murilo Fraga, diretor do SBT, e chegaram à conclusão de que apenas Silvio Santos tinha o poder do sim ou não para tirar o apresentador do ar. Vale lembrar que Marcão esteve ausente durante toda essa reunião.

Silvio, de quarentena em sua casa desde que retornou das férias nos EUA, não havia assistido ao ‘Primeiro Impactado’ e desconhecia todas as críticas pelas redes sociais.

Depois de ouvir as filhas, o dono da emissora acionou seu assistente, que descreveu palavra por palavra dita pelo apresentador durante o programa. Senor pediu um tempo para pensar.

Por fim, Marcão recebeu um telefonema em seu celular informando que estava suspenso de suas atividades no SBT por 15 dias.

ENTENDA

Durante o ‘Primeiro Impacto’, o apresentador defendeu a ideia de campos de concentração para os pacientes infectados com o coronavírus, e pediu ao presidente Jair Bolsonaro que autorizasse as Forças Armadas para policiar as ruas e prender governadores.