AnaMaria

Irmão de Andressa Suita posta indireta após separação de Gusttavo Lima: ''Eu ensino a ser homem''

Empresário ainda marcou o sobrenome da família em uma hashtag

Da Redação Publicado em 10/10/2020, às 12h03 - Atualizado às 12h04

Gusttavo e Andressa com os filhos, à esquerda; Alexandre Suita à direita - Reprodução/Instagram
Gusttavo e Andressa com os filhos, à esquerda; Alexandre Suita à direita - Reprodução/Instagram

Alexandre Suita, irmão de Andressa Suita, causou polêmica ao compartilhar uma indireta para Gusttavo Lima. A loira e o sertanejo anunciaram a separação na última sexta-feira (9), em entrevista ao colunista Leo Dias, do Metrópoles.

"Surpresa nenhuma, mas rezo e torço pela família... Afinal, o que interessa é a felicidade dos meninos. Tio tá aqui para ensinar a ser homem... Relaxa", escreveu ele em seus Stories do Instagram ao citar Gabriel e Samuel, filhos do casal.

(Foto:Instagram/@alexandresuita)

A SEPARAÇÃO

À Leo Dias, o cantor explicou que o pedido de separação partiu dele, na última segunda-feira (5). Ele arantiu ainda que não houve traição. 

"Do mesmo jeito que entrei no relacionamento, eu quis sair pela porta da frente. Sem sacanagem, sem traição", afirmou durante a entrevista. O cantor explicou ainda que está vivendo em uma das casas do, agora, ex-casal, ambas em Goiás.

Procurada por AnaMaria Digital, a assessora de imprensa do cantor confirmou a separação.

Gusttavo e Andressa se casaram em dezembro de 2015 e são pais de Gabriel e Samuel. Durante a pandemia do novo coronavírus, o casal pareceu sempre bastante entrosado.

Vale lembrar ainda que o cantor está lançando uma música chamada "Café e Amor", cuja letra fala sobre alguém sofrendo com a separação. No início da tarde de hoje, ele comentou sobre a novidade em seu Twitter, completando com a frase: "Melhor terminar, cada um por si".

POLÊMICA

No dia 5 setembro deste ano, o cantor sertanejo já havia causado polêmica em suas redes sociais, após falar sobre o retorno aos palcos em meio à pandemia de coronavírus. 

Usando uma imagem do congestionamento de carros em estradas de São Paulo, registrada em 4 de setembro pelo jornalismo da Band, na saída para o feriado do Dia da Independência, o cantor fez o seu comentário.

"Nosso segmento não pode mais ficar parado... São tantas famílias que dependem disso para ter o que comer em casa. Músicos, técnicos, cantores, seguranças, garçons enfim. Somos capazes de tomar todas as providências cabíveis, para que os eventos voltem com toda segurança social e conforto para o nosso público! O setor de entretenimento pede socorro!", completou ele, acrescentando a hashtag "saúde e respeito" em seu Instagram oficial.

No entanto, comentários contrários ao posicionamento do cantor se destacaram. Isso porque o país já teve mais de 147 mil mortes causadas pela doença. Após a repercussão, o cantor deletou a imagem do seu perfil.