Análise do mapa astral de Juliette, do 'BBB': será que ela tem vocação para a música?

Uma das finalistas, sister mostrar outros talentos na casa mais vigiada do Brasil

Da Redação Publicado segunda 3 maio, 2021

Uma das finalistas, sister mostrar outros talentos na casa mais vigiada do Brasil
Veja a analise do mapa astral de Juliette, do 'BBB 21' - Instagram/@juliette

Não tem jeito! Se tem uma pessoa que conquistou o Brasil em 2021, esse alguém é Juliette Freire do 'Big Brother Brasi'. Ela, que ganhava a vida como advogada e maquiadora antes do programa, mostrou um novo talento durante o 'BBB21': o de cantora.

Para tentar entender melhor as principais habilidades e desequilíbrios do mapa astral da paraibana, a astróloga Helena Marques, criadora do site Dom de Fluir, fez uma análise vocacional da sister. Através de uma interpretação vocacional, podemos analisar questões como:

•Em qual área estou mais propício a ganhar dinheiro?
•Qual seria o ambiente e cotidiano de trabalho perfeito para mim?
•Qual talento meu tem mais chances de sobressair numa carreira?

Assista ao vídeo com a análise do mapa astral vocacional de Juliette Freire do BBB

 

Juliette Freire nasceu no dia 03/12/1989. Astrologicamente falando, é sagitariana com o sol na casa 10, que é um ótimo posicionamento para a imagem pública. Desse modo, as pessoas que nascem com essa configuração astrológica tentam exercer seus potenciais ao extremo e procuram brilhar através da sua criatividade, imprimindo em tudo que fazem a marca da sua singularidade.

Essa combinação é responsável pela influência das características solares na vida da pessoa, como a confiança em si mesma, o reconhecimento da sua presença onde quer que esteja e poder agir de acordo com o que crê ser melhor para si. Portanto, estar nos olhos dos holofotes nunca foi um problema para Juliette, muito pelo contrário, ela irá adorar!

Com o ascendente em Peixes, Juliette tem uma aura delicada ao que se compromete e tem bastante magnetismo, imaginativa e sonhadora, o exercício enquanto artista pode fazer bem para a sua alma. Contudo, no signo de Peixes, algumas energias estão dispersas e precisam de organização. Desse modo, é altamente importante que Ju Freire alie talento à técnica, já que sem o aprendizado de como se deve realmente cantar, esse dom artístico pode não ser usado da melhor forma.

Para uma análise vocacional é preciso considerar com atenção as casas 2, 6 e 10 de um mapa astral.

A casa 2 está relacionada ao melhor modo como alguém pode ganhar dinheiro e bens materiais. A casa 2 de Juliette está no signo de Áries. Assim, Ju tende a ganhar dinheiro em profissões onde ela pode ser ativa e tomar as próprias decisões, sem intermediações de terceiros. Pessoas com Áries na casa 2 tendem a ser empreendedoras.

Caso deseje se enveredar para a música, que é um ramo com muitos intermediadores, Juliette pode se incomodar no início com "várias ordens", mas se ela estiver em um contexto com maior liberdade de escolha no repertório, e como deseja se desenvolver enquanto artista, se sentirá à vontade.

Já a casa 6 está relacionada ao nosso local de trabalho e na formação de um cotidiano em que nos sintamos bem. No mapa astral de Juliette, a casa 6 está no signo de Leão, o que é uma posição excelente para artistas. Juliette se sente bem em ambientes de trabalho onde pode ser criativa e se destacar por isso. O seu próprio ofício enquanto maquiadora, já conferia a possibilidade dela trabalhar as suas habilidades artísticas de um modo muito pessoal. Na música, isso pode se expandir ainda mais.

Por fim, a casa 10, conhecida como o Meio do Céu, é o ponto mais alto do nosso mapa astral. Ele é associado à nossa carreira, ao nosso reconhecimento e projeção social. Juliette tem a casa 10 no signo de Sagitário, que é o mesmo signo do seu sol. Desse modo, uma carreira que não tenha uma rotina fixa e que possa dar oportunidade para sempre experienciar algo novo, seria o sonho de Juliette.

E que profissão mais sem rotina do que a artística? É um exercício contínuo da criatividade. Outra opção, é que se torna possível que Ju, caso tenha esse desejo, possa expandir a sua carreira para além do Brasil. O seu DNA cósmico é propício para que ela tenha sucesso além do seu local de origem.

HELENA MARQUES é jornalista formada pela UFRJ, astróloga, taróloga e numeróloga, criadora do portal de autoconhecimento Dom de Fluir. Instagram: @domdefluir

Último acesso: 21 Sep 2021 - 20:26:59 (1144464).