Lua Nova em Câncer: entenda por que o segundo semestre terá cara de ano novo

''Será um momento para colocar em prática tudo o que aprendemos'', explica a astróloga

Naty Falla Publicado segunda 20 julho, 2020

''Será um momento para colocar em prática tudo o que aprendemos'', explica a astróloga
Nesta segunda-feira (20), a Lua entra no signo de Câncer - Pixabay/birrellwalsh

O segundo semestre de 2020, que começou agora no mês de julho, chegou com cara nova. Pelo menos é o que garante a visão astrológica! De acordo com a professora de astrologia Vanessa Alvaiz, toda a energia guardada durante os últimos meses ficará mais forte, trazendo à tona todo o aprendizado dos últimos meses, além da sensação de seguir a caminhada de uma forma diferente.

E por mais que todo o aprendizado ainda permaneça durante o resto de 2020, esse é o momento para exercitar aquilo que nos foi ensinado. "Já podemos colocar tudo na prática", alerta a astróloga.

Tudo isso porque, nesta segunda-feira (20), a Lua Nova entra no signo de Câncer. Esta, por sinal, é a segunda lunação no mesmo signo, o que na astrologia não é nada comum. "A Lua em Câncer te joga para o passado, para a família e para as tradições, as emoções. Nos conectamos muito ao nosso 'eu' e nossa casa física. Lição: enquanto não nos conectarmos com a nossa verdadeira essência, nosso novo 'eu', será difícil seguirmos adiante", ressalta Alvaiz.

É PRECISO PERDOAR

Por conta desse novo mundo, as prioridades deverão ser outras, principalmente quando se trata das verdades de cada um. "Essa segunda lunação no signo de câncer não é por acaso. Ela está realmente nos perguntando: 'Está tudo ok? Perdoou o que tinha de ser perdoado? Se perdoou?' Muito importante estarmos alinhados primeiro conosco, para depois perdoar ou entender melhor o redor. Mais do que perdoar, entender a palavra: 'Per-doar'. Doar. Está pronto para doar?", analisa Vanessa.

EQUILÍBRIO ENTRE RAZÃO E EMOÇÃO

Ainda sobre a segunda lunação em Câncer, a professora de astrologia explica que ela acompanha uma oposição a Saturno, regente de Capricórnio, ao Sol e a Lua em Câncer, o que representa um aspecto que estamos trabalhando desde 2018, o famoso eixo Câncer x Capricórnio.

"Ele nos pede o famoso caminho do meio, o equilíbrio entre razão e emoção. Porém, mais do que isso, estamos tendo a chance de, até dezembro de 2020, termos a oportunidade dessa conexão com a nossa verdade, com a nossa essência, prioridade e propósito de vida. Só assim tudo começa a fazer sentido. Não é sobre certo ou errado, mas fazer sentido para você", pontua Vanessa.

Segundo ela, algumas filosofias e religiões ocidentais diferenciam bem e mal, espírito e matéria, razão e emoção, como se fossem coisas separadas. "Já no Oriente, o bem e o mal sempre estiveram integrados, da mesma maneira que a ordem celeste não é diferente do aparente caos terrestre. Este último, aliás, são as emoções humanas, que estão ligadas ao elemento Água, sendo que nosso planeta é composto de 2/3 dela. O que é, neste caso, é Câncer e Capricórnio", complementa a astróloga.

VEM AÍ

Além disso, teremos a entrada do Sol em Leão nesta semana. Alvaiz explica que, como o signo está em sua casa, ele é favorecido. "Como o Sol também é o regente do ano de 2020, agora vamos realmente sentir a força e o brilho do sol para esse semestre. Junto com o planeta Marte no signo de Áries, haverá força para a execução de novos projetos. Vale lembrar também que o Rato é o regente do ano pela astrologia chinesa", pontua.

Ou seja, vamos ter esse novo semestre para colocar em prática o que aprendemos e já assimilamos com a luz do Sol, com a velocidade do Rato, com o ímpeto do planeta Marte em Áries e com a Lua nos revelando a nossa verdade.

Último acesso: 18 Jun 2021 - 17:05:25 (1117418).